Nissan GT-R NISMO recebe atualizações pontuais

O Nissan GT-R NISMO trouxe alguns aperfeiçoamentos pontuais. E a opção Special Edition exibe muita fibra de carbono aparente na carroceria

Nissan GT-R NISMO 2021
Foto: Divulgação

A Nissan realizou algumas atualizações pontuais no GT-R NISMO e, de acordo com o fabricante, ele estará disponível no Japão em outubro de 2021. Oferecido em duas variantes, ambas podem ser encomendadas na exclusiva tonalidade NISMO Stealth Grey. O esportivo traz ainda o novo logotipo da marca, que debutou no utilitário esportivo elétrico Ariya.

A opção Special Edition é construída sob encomenda exibindo muita fibra de carbono aparente na carroceria, enquanto as rodas forjadas da Rays são de 20″. Além disso, foram utilizadas novas peças de precisão e peso balanceado, como os anéis de pistão, bielas, virabrequim, volante do motor e molas das válvulas ajustadas com tolerâncias mais estreitas, só para citar.

+ Mini Cooper elétrico ganha nova versão no Brasil
+ Nova lei quer aumentar distância entre pedágios
+ Uso de bicicletas cresce, mas máscara é raridade
+ SP: Detran dá desconto de 40% em multas de trânsito

Sob o capô do Nissan GT-R NISMO, o motor V6 3.8 biturbo (nomenclatura VR38DETT) feito artesanalmente descarrega brutais 600 cv de potência graças ao emprego dos turbocompressores derivados do carro de corrida GT-R GT3. Para domar o fôlego, estão presentes freios de cerâmica da Brembo com discos de 410 mm na dianteira e de 390 mm atrás.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel