Nissan March leva uma estrela em teste de colisão

Estrutura da carroceria considerada instável e falta de equipamentos de segurança afetaram a pontuação do compacto japonês

Reprodução

Avaliado pela última vez em 2016, quando recebeu três de cinco estrelas, o Nissan March foi rebaixado e conquistou apenas uma estrela para a proteção do ocupante adulto e duas estrelas para a proteção de crianças, na última bateria de testes de colisão realizados pelo Latin NCAP, cujos resultados foram divulgados nesta terça-feira (31).

De acordo com a entidade independente que avalia a segurança dos veículos comercializados na América Latina, o compacto da marca japonesa foi prejudicado pelo mau desempenho nos impactos frontal e lateral, além da ausência de equipamentos como o Isofix, o lembrete do uso do cinto de segurança e o controle eletrônico de estabilidade. Além da estrutura ter se mostrado instável, a compressão frontal do peito do motorista foi considerada alta no impacto frontal. Já no impacto lateral, a proteção ao peito foi considerada apenas “marginal”.

Nesta bateria de testes, o Latin NCAP avaliou também o modelo Mazda 2. Produzido no México e vendido em alguns mercados latinos, o modelo ganhou duas estrelas na proteção de adultos e três na proteção de crianças.

Confira abaixo o vídeo da avaliação do Nissan March: