No Brasil em 2019, Volvo S60 aparece em nova geração

Terceira geração do sedã não terá opção de motores a diesel

2687
Divulgação

A terceira geração do Volvo S60 foi revelada oficialmente pela marca sueca nesta quarta-feira (20). Da mesma categoria dos alemães Audi A4 e Mercedes-Benz Classe C, o sedã é o primeiro modelo da montadora produzido nos Estados Unidos e também o pioneiro na gama da fabricante a abandonar os motores diesel. O novo S60 já está confirmado para o mercado brasileiro, onde chega em 2019.

O sedã é construído sobre a plataforma modular SPA, a mesma utilizada na perua V60 e nos SUVs XC60 e XC90. Inicialmente, além das configurações a gasolina com os propulsores T5 e T6, o sedã está disponível em duas configurações híbridas (T6 Twin Engine de 340 cv e T8 Twin Engine de 400 cv), que poderão receber ainda o pacote de desempenho Polestar Engineered, desenvolvido pela divisão esportiva da Volvo e que, além de elevar a potência do T8 para 415 cv, inclui modificações nos freios e suspensões.

Além do sistema de frenagem automática — com capacidade de identificar pedestres, ciclistas e animais de grande porte — o modelo tem como opcional o sistema de direção semi-autônoma, capaz de operar em velocidades até 130 km/h e de manobrar o veículo para evitar uma colisão, e também o alerta de tráfego cruzado com frenagem automática. Na lista de itens de conforto, o novo S60 conta com o sistema multimídia Sensus Connect (que concentra em uma tela no centro do painel as configurações do veículo e os comandos dos sistemas de ventilação e de som).