Nova CNH terá tradução em três idiomas e mais fatores de segurança

A habilitação aproxima o país dos padrões internacionais definidos pela Convenção de Viena

0
5
Nova Carteira Nacional de Habilitação - Foto Lidiana Cuiabano/Detran-MT

A partir desta quarta-feira (1º), a nova Carteira Nacional de Habilitação (CNH) passa a ser emitida.

Uma das mudanças é que o documento terá tradução em três idiomas (português, inglês e espanhol), para facilitar o seu uso em diversas partes do mundo.

+ Nova CNH começa a ser emitida nesta quarta; veja quem vai atualizar
+ IPVA SP: 5ª parcela vence em junho; confira as datas
+ Licenciamento de veículos: confira o calendário e como pagar em SP


Além disso, a habilitação aproxima o país dos padrões internacionais definidos pela Convenção de Viena. Ela tem as cores verde e amarela, identificação das categorias com equivalência internacional.

A CNH conta também com o código MRZ (Machine Readable Zone ou Zona Legível por Máquina), o mesmo usado em passaportes.

Ela terá mais dispositivos de segurança, como tinta especial fluorescente que brilha no escuro, itens visíveis apenas com luz ultravioleta e holograma na parte inferior do documento, para dificultar falsificações.

No verso, a CNH continua trazendo a tecnologia do QR Code Vio, que garante a autenticidade e a segurança dos documentos emitidos pelos órgãos públicos.

Tabela de categorias e atividades remuneradas

A nova versão da CNH, tanto impressa quanto no aplicativo para celular, contém uma tabela com as categorias e subcategorias de habilitação.

O documento também terá um campo para indicar se o condutor exerce atividade remunerada e outro campo para anotação de possíveis restrições médicas.

Quem deverá atualizar a CNH?

Essa versão da carteira de habilitação foi determinada pela Resolução nº 886, de 13 de dezembro de 2021 do Conselho Nacional de Trânsito (Contran) e será emitida, de forma eletrônica ou impressa, para os condutores que forem renovar o documento, emitir a segunda via, alterar dados ou tirar a CNH pela primeira vez.

A entrada em vigor da nova CNH, porém, não invalida os documentos atuais, que continuam valendo em todo o Brasil até sua data de validade.

A CNH-e, disponível no aplicativo da Carteira Digital de Trânsito (CDT), também recebeu as alterações, contemplando todos os novos campos e atendendo à resolução do Contran.

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Carro ‘mais rápido do mundo’ bate recorde e beira os 500 km/h; assista
+ Leilão de carros clássicos tem Opala, Fusca e Saveiro Summer
+ Comparativo de Carros Elétricos: Peugeot e-208 GT vs. Mini Cooper SE vs. Fiat 500e vs. Renault Zoe
+ Nova CNH começa a ser emitida nesta quarta; veja quem vai atualizar
+ Licenciamento de veículos: confira o calendário e como pagar em SP
+ Com só 100 unidades, Mercedes-Benz é colocado à venda
+ Peugeot 307 completa 1 milhão de km rodados com o mesmo motor
+ Nova placa preta padrão Mercosul será emitida a partir desta quarta (1º)
+ Novo Peugeot 408: SUV cupê tem lançamento marcado para junho
+ Brasileiro que percorreu 17 países com Fusca morre em acidente nos EUA
+ CNH: aulas na autoescola podem deixar de ser obrigatórias; entenda
+ Lembra do Kadett? Modelo Opel Koening 1987 será leiloado