Novo Audi A6 é revelado na Europa

Maior e com visual semelhante ao do Audi A8, nova geração do sedã executivo estreia sistema de propulsão semi-híbrido

Audi A6 (Foto: Divulgação)

Concorrente dos BMW Série 5 e Mercedes-Benz Classe E, o Audi A6 acaba de estrear a sua oitava geração. Além do visual semelhante ao das novas gerações dos sedãs A4 e A8, o sedã executivo recebeu novas tecnologias, como o sistema de propulsão com a tecnologia semi-híbrida.

Lançado inicialmente no A8 e agora disponível em todas as motorizações do A6, a tecnologia semi-híbrida utiliza um pequeno propulsor elétrico, que permite ao novo sedã rodar em velocidades entre 55 e 160 km/h e sem carga no acelerador com o motor a combustão desligado, permitindo reduzir o consumo de combustível em até 700 ml a cada 100 quilômetros rodados.

A carroceria de aço e alumínio ficou maior que a da sétima geração: tem 4,939 m de comprimento (7 mm mais longo), 1,886 m de largura (12 mm mais largo) e 1,457 m de altura (2 mm mais alto). No interior, além do painel digital configurável de 12,3 polegadas, as funções do veículo são comandadas agora por meio de outras duas telas sensíveis aos toque (com 10,1 e 8,6 polegadas).

Dependendo da versão, o A6 conta com um conjunto de cinco radares, cinco câmeras, 20 sensores ultrassônicos e um scanner laser, que além de operar o sistema de direção semi-autônomo permite ao sedã procurar uma vaga de estacionamento e estacionar sem a presença do motorista no veículo.

Na Europa, a gama de motores inclui inicialmente um motor a diesel (3.0 TDI de 286 cv) e um a gasolina (3.0 TFSI de 340 cv). O primeiro é combinado a um câmbio automático de oito marchas e o segundo a uma transmissão automatizada S tronic de sete marchas e dupla embreagem. A tração é sempre integral.