Novo Toyota Corolla sedã é revelado; confira as imagens

Interior mais atual e novo motor 2.0 com injeção direta estão entre as novidades do modelo

Toyota Corolla XSE (Divulgação)

A Toyota revelou oficialmente nesta sexta-feira (16), na Europa (leia aqui), China e nos Estados Unidos, o novo Corolla sedã, modelo que chega às concessionárias dos Estados Unidos até o final do 1º semestre de 2019 e deve desembarcar no Brasil até 2020.


Com uma carroceria de linhas menos conservadoras e um interior mais atual, com direito até a painel digital, o Corolla sedã de 12ª geração é montado sobre a plataforma modular TNGA, a mesma usada pelo híbrido Prius. Segue com o mesmo entre-eixos de 2,70 m do carro atual, mas com a bitola mais larga, o balanço dianteiro encurtado, traseira mais longa e altura reduzida em 2 cm.

Na lista de equipamentos, o Corolla dos Estados Unidos será oferecido em todas as versões com itens como faróis de LED, sistema multimídia compatível com Apple CarPlay e o pacote de segurança que inclui frenagem automática de emergência e assistente de manutenção em faixa.

Na mecânica, uma novidade é um novo motor 2.0 com injeção direta, que desenvolve 171 cv e passa a ser oferecido nas versões mais caras do modelo. Já as configurações de entrada da linha seguem com o 1.8 do carro atual, porém com modificações para reduzir o consumo de combustível. A marca japonesa prepara ainda uma variação híbrida, que será apresentada no próximo dia 28. De nova geração, o câmbio automático CVT agora simula dez marchas e, segundo a Toyota, permite trocas 20% mais rápidas do que em um “CVT convencional”.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel