O Jeep original ainda está vivo… e atende pelo nome de Mahindra Thar

0
3074

Nos Estados Unidos, o Jeep CJ original saiu de linha há quase 30 anos. Mas o mítico utilitário permanece vivo na Índia, com o nome de Thar e produzido pelo fabricante local Mahindra. E acaba de ganhar mudanças estéticas para deixar o veterano com uma cara mais moderna.

Nesta quinta-feira (23), a marca apresentou a linha 2015 do modelo, que conserva uma carroceria muito próxima da dos CJ-5 produzidos no Brasil até os anos 1980, mas que ganhou o acréscimo de para-choques envolventes e alargadores de para-lama, além de novas rodas de liga-leve.


Por dentro, o ‘Jeep indiano’ ostenta um painel de instrumentos moderno e sai de fábrica com itens de série impensáveis há 70 anos, como o ar-condicionado. Sob o capô a mecânica também é diferente. Um 2.5 diesel de 106 cv e 25 kgfm de torque entre 1.800 e 2.000 rpm, que trabalha em conjunto com uma transmissão manual de cinco marchas.

A Mahindra começou a produzir os Jeep em 1947, com a montagem de kits do CJ que eram importados desmontados dos EUA. Anos depois, a empresa começou a produzir sob licença versões próprias do utilitário americano. O preço inicial do Thar é de 830 mil rúpias (cerca de R$ 42.700).