O sonho alemão ficou mais distante

O painel tem linhas bastante clássicas, e todos os intrumentos têm fácil leitura. Os comandos do rádio são um pouco confusos e o espaço no banco traseiro é bem limitado

Essa última versão do C180 Turbo ganhou uma atualização visual e começou a ser comercializada no Brasil em meados do ano passado por R$ 116.900. Agora, com a alta do IPI (Imposto sobre Produtos Industrializados) para os importados, subiu para R$134.900. Excluindo os novos Classe A e B, cujas novas gerações totalmente renovadas na Europa ainda não chegaram ao Brasil, ele é hoje a porta de entrada para quem deseja um modelo da marca da estrela.

O C180 é um carro honesto, que faz aquilo que o consumidor desse segmento necessita. Sem luzinhas coloridas ou exageros de formas, é discreto e funcional. Seu design é arrojado, cheio de formas angulosas? De nitivamente, não. Apesar de a marca alemã realçar suas linhas esportivas, o Classe C, de maneira bem diferente do BMW Série 3, seu principal concorrente, ainda guarda muito da cara séria dos Mercedes conservadores. E isso não é bom nem ruim, apenas uma característica dessa geração; a próxima, que chega em 2013, será mais “descolada” e jovem.

Mas um clássico não cai em modismos. Por isso mesmo, o C180 ainda é muito interessante. Na mecânica, impressiona o que os alemães conseguem com tão pouco. Seu motor 1.8 turbo produz tranquilos 156 cv, mas tem um torque estável de 1.600 a 4.200 rpm. Ligada a ele, uma caixa automática de sete marchas com trocas suaves. E para quem pensa que sua performance é apática, ledo engano: ele acelera até 100 km/h em 8s9 e chega a 223 km/h.

Mercedes C 180 Turbo

MOTOR quatro cilindros em linha, 1,8 litro, 16V, injeção direta, turbo TRANSMISSÃO automática sequencial, sete marchas, modos esportivo e econômico, tração traseira DIMENSÕES comp.: 4,59 m – larg.: 1,77 m – alt.: 1,45 m ENTRE-EIXOS 2,760 m PORTA-MALAS 475 litros PNEUS 225/45 R17 (dianteiros) – 245/40 R17 (traseiros) PESO 1.495 kg ● GASOLINA POTÊNCIA 156 cv a 5.000 rpm TORQUE 25,5 kgfm de 1.600 a 4.200 rpm VELOCIDADE MÁXIMA 223 km/h 0 – 100 km/h 8,9 segundos CONSUMO cidade: 10,1 – estrada: 18,5 (Europa) CONSUMO REAL não disponível

Muitos carros com valores mais expressivos de potência e torque não chegam perto disso. Outro destaque é o sistema de suspensões, com amortecedores de ajuste automático que, além de conforto, garantem estabilidade e aderência em curvas acima da média. Com mais de 125 anos de história, a marca realmente entende da arte de fazer carros.

Com esse aumento, entretanto, seu preço cou muito perto do que é cobrado pelo Audi A4 de entrada, mais completo (leia mais sobre ele na pág. 54). E a chegada do novo BMW Série 3, em breve, pode complicar ainda mais sua vida.

Veja também

+ Fiat faz desconto em toda a linha; preço do Toro cai R$ 32 mil
+ Acesso de fúria de macaco deixa um homem morto e 250 pessoas feridas na Índia
+ Risco de casos graves de Covid é 45% maior em pessoas com sangue do tipo A, segundo pesquisadores europeus,
+ Aprenda a fazer o brigadeiro de paçoca de Ana Maria Braga