O SUV que é quase um automóvel

NISSAN X-TRAIL R$ 102.590

Acaba de desembarcar no Brasil o novo X-Trail fabricado no Japão. O modelo está mais versátil e bem adaptado para ser utilizado em qualquer tipo de piso e seu antigo ponto fraco (a falta de espaço), resolvido. O veículo ganhou medidas maiores: são 95 cm a mais na altura, 20 cm na largura e 17,5 cm no comprimento. Na verdade, trata-se de outro carro, construído sobre uma nova plataforma, concebida em conjunto com a Renault.


Equipado com câmbio CVT e motor 2.0 de 138 cv (o mesmo powertrain do Sentra), o modelo tem comportamento interessante. Não chega a ser uma dirigibilidade emocionante, mas o carro é ágil e a sensação a bordo é de que você está pilotando um sedã e não um SUV. Claro que contribuem para isso as suspensões bem calibradas, que não repassam muitas irregularidades ao habitáculo, e o interior ergonômico.

A Nissan chama o seu SUV de all -road pois, segundo a marca, houve uma preocupação em dar versatilidade ao modelo, seja para rodar na cidade ou no campo. Com tração dianteira com opção de 4×4 e reduzida, o carro atende às necessidades daqueles que procuram um automóvel para diversas ocasiões (trabalho, viagens e trilhas).

O interior ergonômico garante fácil acesso aos comandos. Entre os equipamentos, a falta mais sentida foi do sensor de estacionamento

O espaço interno e o porta-malas cresceram. Esse último acomoda de 603 litros a 1.733 litros (com os bancos rebatidos) e tem superfície plástica para facilitar a lavagem do bagageiro, quando se transportam cargas sujas, como bicicletas e outros equipamentos esportivos.

Entre os problemas do carro, estão campo de visão reduzido (e ainda por cima o carro não conta com sensor de estacionamento nem como opcional) e a ausência do motor flex. De qualquer forma a Nissan aposta alto no carro. A marca quer aumentar suas vendas de duas para 100 unidades ao mês.

SHARE
Artigo anteriorSerra da Bocaina
Próximo artigoAgora, um legítimo fiat