Os 10 SUVs “submédios” mais econômicos do Brasil

corolla cross
Toyota Corolla Cross Hybrid

O crescimento do mercado de SUVs nos últimos anos fez surgir uma grande variedade de produtos de vários tamanhos. Se antes a sigla era utilizada apenas para definir os modelos de grande porte, geralmente derivados de picapes e com carroceria sobre chassi, hoje inclui até mesmo modelos com tamanho e características muito mais próximas dos hatches compactos. E nesse contexto que surgiram os modelos “submédios”.

Classificação que inclui modelos como o Jeep Compass e o Toyota Corolla Cross, se caracteriza pela presença de carros entre 4,40 m e 4,60 m de comprimento, menores do que os SUVs médios “de verdade”, como o Volkswagen Tiguan Allspace e o Honda CR-V, ambos com mais de 4,60 m.

+ Hyundai Kona N é um SUV que faz de 0 a 100 km/h em 5,5 segundos
+ Veja 5 SUVs usados 4×4 por menos de R$ 70 mil
+ Cotado para o Brasil, SUV elétrico VW ID.4 é eleito o melhor carro do mundo
+ Caoa Chery divulga novo teaser do Tiggo 3X, o futuro SUV da marca

Confira a seguir uma lista dos SUV “submédios” mais econômicos comercializados atualmente no Brasil. Os dados de consumo são do PBE Veicular, do Inmetro. Os resultados foram classificados de acordo com o consumo médio com gasolina.

1º Toyota Corolla Cross Hybrid

Único modelo híbrido da lista, o Toyota Corolla Cross Hybrid tem preços que partem de R$ 172.990 em sua versão mais acessível, a XRV. A linha híbrida inclui ainda a versão de topo XRX, que é oferecida a partir de R$ 179.990.

O conjunto mecânico é o mesmo do sedã Corolla Hybrid, sendo composto por um propulsor elétrico que trabalha em conjunto com um 1.8 flex de 98/101 cv (gasolina/etanol) para desenvolver a potência combinada de 123 cv. O consumo urbano é de 17 km/l e o rodoviário é de 13,9 km/l.

2º Mitsubishi ASX/Outlander Sport 4×2

Embora sejam vendidos como dois carros diferentes, o Outlander Sport nada mais é do que uma versão atualizada do ASX, com quem compartilha e mesma carroceria básica e conjunto mecânico. Na versão única GLS, o ASX sai por R$ 128.990. Já o Outlander Sport parte de R$ 139.990, também na variação GLS.

Com o mesmo motor 2.0 flex de 160/170 cv, combinado com a tração dianteira e o câmbio automático CVT, os dois modelos são capaz de obter médias de até 9,8 km/l (cidade) e 12,6 km/l (estrada) em suas versões de entrada.

3º Hyundai Tucson

O lançamento da nova geração do SUV pode até ter deixado desatualizado o Hyundai Tucson produzido pela Caoa em Anápolis (GO). Mas pelo menos em termos de consumo ele não faz feio.

O Hyundai está equipado com um motor 1.6 turbo de 177 cv, combinado a um câmbio automatizado de sete marchas e dupla embreagem. O consumo médio é de 10,5 km/l (cidade) e 12,2 km/l (estrada).

4º Jeep Compass Sport T270

A linha 2022 do Jeep Compass trouxe como novidades um visual atualizado e um novo motor 1.3 turbo flex de 180/185 cv (gasolina/etanol) feito no Brasil, que substitui o antigo 2.0 aspirado, que era importado do México.

Com o novo propulsor abastecido com gasolina, o SUV consegue obter em sua versão de entrada Sport (a mais econômica da linha) médias de consumo de até 10,5 km/l (cidade) e 12,1 km/l (estrada).

5º Mitsubishi Eclipse Cross

Inicialmente importado do Japão, o Mitsubishi Eclipse Cross começou a ser montado em 2019 em Catalão (GO). Disponível em quatro versões, tem preços que variam entre R$ 155.990 e R$ 197.990.

O motor é um 1.5 turbo de 165 cv, que na versão de entrada GLS é combinado com a tração dianteira e um câmbio automático CVT. O consumo médio é de 10,3 km/l (cidade) e 11,9 km/l (estrada).

6º Subaru XV

Feito sobre a base do sedã Impreza, o SUV japonês Subaru XV sai a partir de R$ 154.900 e é o primeiro desta lista equipado com um sistema de tração integral.

O motor é o conhecido 2.0 boxer da marca, combinado a um câmbio automático CVT de sete marchas. O consumo médio é de 9,9 km/l (cidade) e 12 km/l (estrada).

7º Peugeot 3008

O francês Peugeot 3008 está disponível no mercado brasileiro nas versões Allure (R$ 212.190) e Griffe Pack (R$ 229.690).

Ambas usam o mesmo motor 1.6 THP a gasolina de 165 cv, que é combinado ao câmbio automático de seis marchas. O consumo médio é de 9,8 km/l (cidade) e 12,1 km/l (estrada).

8º JAC T60 Plus

O SUV médio da chinesa JAC é o modelo mais acessível dessa lista, com preços que partem de R$ 123.990. Por outro lado, o T60 Plus tem dirigibilidade interessante e um bom pacote de equipamentos. E recentemente passou por uma reestilização.

O motor 1.5 turbo entrega 168 cv e é combinado a um câmbio automático CVT. O consumo médio é de 9,6 km/l (cidade) e 11,2 km/l (estrada).

9º Caoa Chery Tiggo 7

Abaixo do Tiggo 8 de sete lugares, o Tiggo 7 é o representante da marca sino-brasileira entre os “submédios”. Fabricado em Anápolis (GO), está disponível na versão única TXS e sai a partir de R$ 134.990.

O modelo está equipado com um motor 1.5 turbo flex de 147/150 cv, que trabalha em conjunto com um câmbio automatizado de seis marchas e dupla embreagem. Segundo os dados do PBE Veicular, a média de consumo com gasolina é de 10,9 km/l (estrada) e 9,7 (cidade).

10º Ford Territory

Lançado no ano passado, o Ford Territory parte de R$ 179.900 e é atualmente o SUV mais barato da marca do oval no mercado brasileiro. Além do Edge, que parte de R$ 351.950, a marca começa a importar do México em maio o Bronco, que vai assumir um posicionamento intermediário na gama.

Importado da China, o Territory usa um motor 1.5 turbo de 150 cv combinado a um câmbio automático CVT. O SUV tem consumo médio na cidade de 9,2 km/l, enquanto na estrada roda até 10 km/l.

Mais na Motor Show

+ Contran prorroga prazo do exame toxicológico para motoristas
+ Honda Civic 2022 é evolução (e não revolução) em sua 11ª geração
+ Veja quais multas de trânsito podem ser convertidas em advertência
+ Conheça o Wild One Max, carro de controle remoto com tamanho (e preço) de automóvel real
+ PCD: MP que limita em R$ 70 mil compra de carros com isenção de IPI é prorrogada

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel