Os nacionais mais (e menos) seguros do mercado

Roberto Assunção

Se há alguns anos eram comuns no país veículos com péssimos resultados nos testes de colisão, a obrigatoriedade dos airbags frontais e dos freios ABS nos veículos vendidos no Brasil desde o ano passado ajudou a melhorar a segurança dos passageiros.

E um reflexo disso é o desempenho cada vez melhor dos autos nacionais nos testes de impacto do Programa de Avaliação de Veículos Novos para América Latina e o Caribe (Latin NCAP). Confira abaixo os resultados dos carros fabricados no Brasil e que foram testados no programa. As cinco estrelas são a pontuação máxima do teste.

Não foram considerados os resultados do Chevrolet Cruze (4 estrelas adulto e 3 crianças), pois o exemplar testado foi o fabricado na Coréia do Sul, e do Ford New Fiesta (4 estrelas para adultos e crianças), que na época do teste ainda era importado do México. Também foram excluidos os modelos fora de linha e o resultado das versões sem airbags dos carros ainda em produção.

Compactos de entrada

VW up! — 5 estrelas adulto e 4 estrelas crianças
Fiat Novo Palio — 4 estrelas adulto e 3 estrelas crianças
Hyundai HB20 — 4 estrelas adulto e 3 estrelas crianças
Toyota Etios — 4 estrelas adulto e 2 estrelas crianças
Chevrolet Onix — 3 estrelas adulto e 2 estrelas crianças
VW Gol — 3 estrelas adulto e 2 estrelas crianças

Compactos premium

Peugeot 208 — 4 estrelas adulto e 3 estrelas crianças
Citroën C3 — 4 estrelas adulto e duas estrelas crianças

SUVs e Crossovers compactos

Jeep Renegade — 5 estrelas adultos e crianças
Ford EcoSport — 5 estrelas adulto e 3 estrelas crianças

Sedã médio

Toyota Corolla – 5 estrelas adulto e 4 estrelas crianças