Pandemia derruba número de furto e roubo de carros em SP

0
39
Pandemia fez número de roubo e furto de carro cair pela metade
Pandemia fez número de roubo e furto de carro cair pela metade

A pandemia do novo coronavírus derrubou o número de furto e roubo de carros pela metade em São Paulo durante o mês de abril. Os dados foram apresentados em um levantamento organizado pela Fundação Escola de Comércio Álvares Penteado (Fecap) e a empresa de rastreamento Tracker.

Menino que roubou carro por Lamborghini dá volta em Huracán

Em abril, quando o isolamento social e a quarentena por causa da pandemia eram mais fortes, a redução foi de 45,53% em roubo de veículos, 32,79% em roubo de carga e 49,29% em furto de carros no comparativo com o mesmo período do ano passado.

Os dez municípios com os maiores índices de roubos foram São Paulo (42,66%), Campinas (5,33%), Guarulhos (4,18%), São Bernardo do Campo (2,92%), Santo André (2,79%), Diadema (2,74%), Mauá (1,97%), Osasco (1,64%), Itaquaquecetuba (1,55%) e Suzano (1,35%). Com exceção de Campinas, todos faze parte da região metropolitana da capital.

Já na cidade de São Paulo, os bairros com mais ocorrências foram Sacomã (2,89%), São Mateus (2,70%), Iguatemi (2,44%), Ipiranga (2,44%), Itaquera (2,32%), Cidade Ademar (2,21%), Jardim Colina (2,09%), Sapopemba (1,99%), Jabaquara (1,95%) e Itaim Paulista (1,93%).

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel