Peruas usadas valorizam acima da média; confira o top 10

Ao todo, 62 modelos ficaram acima da média mercado.

0
4
Foto: Divulgação

Apesar das stations wagon, ou as famosas peruas, estarem em baixa no mercado nacional – pois só modelos importados premium continuam sendo vendidos como zero km – as usadas da categoria estão em alta.

Na média, 150 modelos e versões, de 2005 pra cá, tiveram valorização de 21,5%. Nada mau, ao considerar que o mercado automotivo global teve 23,5% de alta. Mas 62 veículos se valorizaram acima da média mercado.

+ Avaliação: Audi RS 6 Avant, a perua milionária que nos faz perder o juízo
+ Avaliação: Mini Clubman é um grande Mini (e uma bela perua)
+ Weekend sai de linha e mata segmento de station wagons


O levantamento foi realizado pela Mobiauto, marketplace de carros usados, com veículos cotados em outubro de 2020 e outubro de 2021, extraindo-se a variação de preços.

“Como boa parte desses veículos deixou de ser vendida como nova, a valorização distante apenas 2% da média absoluta do mercado é um resultado animador para os clientes fieis de peruas”, destaca o consultor automotivo e CEO da Mobiauto, Sant Clair Castro Jr., em nota divulgada.

E completa: “vale ressaltar que, dos 150 modelos e versões verificados pelo nosso departamento de Estatísticas, 62 tiveram uma correção de preços acima da média do mercado. Veja que interessante: o consumidor comprou um carro fora de linha e ainda ganhou dinheiro”.

Ranking das peruas mais valorizadas

Última marca de volume a fabricar peruas no Brasil, a Fiat emplacou quatro versões da Palio Weekend (ou apenas Weekend, dependendo do ano de produção) entre as dez mais valorizadas.

A tabela possui ainda outros destaques, como a Volks liderando o ranking com a SpaceFox Plus 1.6 8V 2009, única a ultrapassar os 50% de valorização, e até a presença de uma station importada, a Volvo V40 Cross Country 2015.

Outras marcas que comercializavam peruas no país, como BMW, Mercedes-Benz e Subaru, não ofereciam amostragens significativas para entrarem no levantamento.

Veja abaixo as mais valorizadas abaixo:

Foto: Divulgação

Marcas

De uma forma geral, apanhando a média de valorização de todos os anos e versões de cada marca, a Toyota foi a campeã, com 26,6%. A Volkswagen registra alta de 22,82%, seguida pela Fiat, com 21,26% de reajustes. As outras marcas anotam as seguintes médias: Volvo (20,53%), Audi (19,25%), Citroën (18,41%), Peugeot (16,91%) e Renault (15,05%).

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Nova KTM 890R atualizada chega ao Brasil; veja os detalhes
+ Fiat Pulse fica mais caro em todas as versões; veja o reajuste
+ Avaliação: RAM 1500 acelera forte, mas não faz sentido
+ Qual é a melhor versão do Jeep Compass 2022?
+ Avaliação: Fiat Pulse tem potencial para vender muito
+ Comparativo de SUVs: Jeep Compass vs. VW Taos e Toyota Corolla Cross
+ Vídeo: picape desgovernada cai em travessia de balsas em Cananéia (SP)
+ Segredo: o SUV da Fiat com base de Peugeot que dá pistas sobre o novo Jeep Renegade
+ Fiat Strada estreia nova versão topo com câmbio automático
+ Avaliação: Hyundai Creta 2022 arrisca no visual, mas se destaca pelo motor
+ Avaliação Citroën AMI: elétrico cotado para o Brasil não precisa de CNH
+ CNH: veja o que você precisa saber para a solicitação e renovação