Peugeot 308 e 408 saem de linha no Brasil

Marca francesa optou por não importar novos lotes dos modelos feitos na Argentina

Peugeot 308 (Roberto Assunção)

O hatch médio Peugeot 308 e o sedã 408 não serão mais vendidos no mercado brasileiro. Apesar de ainda constarem no site da marca francesa, a empresa confirmou em comunicado que não irá mais comercializar os dois modelos após os términos dos estoques.

Segundo a Federação Nacional da Distribuição de Veículos Automotores (Fenabrave), o Peugeot 308 teve apenas 434 unidades emplacadas no Brasil o em 2018.

Número bem inferior ao do líder do segmento, o Chevrolet Cruze Hatch, que emplacou 5.535 unidades no mesmo período. Já no caso do sedã 408, a diferença foi ainda maior: 739 unidades, ante os 59.062 emplacamentos do Toyota Corolla.

Na nota, a Peugeot destaque que essa decisão é “fruto da estratégia da marca no país, que passa a concentrar seu foco no compacto-premium 208”, nos SUVs 2008, 3008 e 5008 e nos modelos comerciais Expert, Boxer e Partner.

Importados da Argentina, onde são produzidos na fábrica de El Palomar, os dois modelos vão permanecer em linha no país vizinho.