Poder aquisitivo do consumidor de carro registra queda nos últimos 4 anos

Para adquirir um seminovo, com 2 anos de uso, em 2021, era necessário desembolsar R$ 79.637, preço médio anunciado na OLX

0
9
Foto: Pexels

Um levantamento realizado pela OLX revela que o poder aquisitivo do consumidor brasileiro para compra de um veículo apresentou queda acentuada nos quatro últimos anos.

O público que dispunha de R$ 55 mil para investir em um carro em 2018, por exemplo, poderia adquirir, na época, um automóvel seminovo, com 2 anos de uso, cujo preço médio chegou a alcançar R$ 53.348 na plataforma.

+ Carros clássicos: veja 5 dicas para conservar esse tipo de modelo
+ Confira 5 dicas para comprar um carro seminovo ou usado
+ Confira quais foram os 10 veículos mais roubados em SP durante 2021
+ Confira o valor do seguro auto para os carros mais vendidos de 2021
+ Fiat Strada é o carro mais comercializado no Brasil em 2021; veja a lista


Ainda de acordo com a pesquisa, em 2019, os mesmos R$ 55 mil disponíveis no ano anterior já não eram suficientes para comprar um seminovo com as mesmas características, ainda que este montante considerasse os reajustes do salário mínimo ou da inflação, pelo IPCA (Índice de Preços ao Consumidor), acumulados no período. Em 2019, um carro seminovo, com 2 anos de uso, passou a ostentar preço médio de R$ 59.675 na plataforma.

Porém, com o investimento de R$ 55 mil atualizado – R$ 57.895, considerando os reajustes do salário mínimo, ou R$ 58.483, pelo IPCA – era possível comprar um carro com 3 anos de uso, cujo preço médio era de R$ 49.854, na OLX.

2020

Em 2020, ainda era possível adquirir um automóvel com 3 anos de uso, com o mesmo valor de investimento de 2018. Considerando os reajustes para aquele período – R$ 60.621, levando em conta a atualização do salário mínimo, ou R$ 60.317, pelo IPCA -, o valor supera a cotação média para um veículo com as características, que era de R$ 59.113.

2021

Contudo, em 2021, o valor de investimento original, de R$ 55 mil, mesmo que corrigido pelos índices vigentes no período, conseguia comprar apenas um automóvel com 5 anos de uso, cujo preço médio na OLX alcançava R$ 56.824. No ano passado, a correção dos R$ 55 mil iniciais rendia R$ 63.417, pelo reajuste do salário base, ou a R$ 66.497, pela atualização IPCA.

Para adquirir um seminovo, com 2 anos de uso, em 2021, era necessário desembolsar R$ 79.637, preço médio anunciado na plataforma.

“Com a escassez de veículos novos nas lojas e a pressão sobre a renda, houve uma migração do consumidor para o mercado de seminovos. A demanda maior acabou gerando elevação nos preços médios e falta de carros nesta categoria. Com isso, os consumidores passaram a buscar automóveis usados, provocando um efeito cascata”, explica Danilo Igliori, VP economista chefe da OLX Brasil, em nota divulgada.

E completa: “é importante destacar que, enquanto a indústria seguir enfrentando problemas relacionados à falta de componentes na fabricação de modelos novos, o mercado de carros de segunda mão deve permanecer aquecido”.

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ CNH vencida: grupo deve renovar o documento até o fim de janeiro; veja
+ Qual é a melhor versão do Jeep Compass 2022?
+ Avaliação: a melhor versão do Jeep Commander
+ IPVA SP 2022: veja quando começa o vencimento do desconto de 5%
+ Ram lança linha 2022 das picapes 2500 e 1500; veja os preços
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Monstruosa Ram TRX 6×6 está sendo leiloada
+ CNH: veja o que é necessário para renovar o documento
+ Nova placa preta é lançada oficialmente; veja quando entra em vigor
+ Raríssimo Mercedes-Benz 190E 2.5-16 EVO II está sendo leiloado