Por coronavírus, prefeitura suspende rodízio em SP

Rodízio municipal de veículos está supenso por tempo indeterminado em SP
Rodízio municipal de veículos está supenso por tempo indeterminado em SP

A Prefeitura de São Paulo suspendeu a partir desta terça-feira, e por tempo indeterminado o rodízio municipal de veículos. A medida faz parte de um pacote de ações para evitar a proliferação do coronavírus na cidade. O prefeito Bruno Covas afirmou ainda que medidas sanitárias serão tomadas na frota de ônibus da cidade.

+ Indy Muñoz morre em acidente na Goiás Superbike, em Goiânia
+ Bicicleta da BMW vai ter preço de carro popular
+ Chevrolet corta preço do Cruze; saiba quanto

Entres as novas medidas de combater ao coronavírus, estão a autorização para que servidores com 60 anos ou mais possam trabalhar em regime de home office, cancelamento de eventos do poder público por tempo indeterminado e fechamento de equipamentos de cultura.

Mapa do rodízio municipal suspenso a partir desta terça
Mapa do rodízio municipal suspenso a partir desta terça

A Secretaria Municipal de Saúde (SMS) vai ainda disponibilizar 490 novos leitos de UTI na rede pública – 190 com a reorganização do sistema municipal e pelo menos 300 com recursos do Ministério da Saúde. As férias dos profissionais de saúde serão adiadas por 60 dias, entre outras.

Veja as medidas que serão tomadas pela Prefeitura a partir desta terça:

  • Rodízio municipal será suspenso;
  • Idosos não devem usar os ônibus nos horários de pico;
  • Os ônibus serão lavados a cada término de viagem com água sanitária;
  • Museu do Transporte será fechado;
  • Linha circular de turismo será suspensa;
  • Bilhete Único do Idoso será solicitado por e-mail