Por software que frauda testes, Ibama multa VW em R$ 50 mi

0
681
Carros afetados são do ano/modelo 2011 e 2012 (Foto: Volkswagen)

O Ibama anunciou nesta quinta-feira (12) que irá multar a Volkswagen do Brasil em R$ 50 milhões pelo uso do software capaz de burlar as normais de controle antipoluição no País. Segundo o órgão, a punição é a maior prevista na Lei de Crimes Ambientais brasileira.

A investigação foi iniciada em setembro, após o Grupo Volkswagen assumir que mais de 11 milhões de veículos a diesel vendidos em todo o mundo estavam equipados com um software capaz de enganar os testes de poluentes.


Em outubro, a empresa confirmou que mais de 17 mil unidades da picape Amarok vendidas no Brasil, ano/modelo 2011 e 2012, foram equipados com o software fraudador. Além da multa, a montadora será obrigada a executar um recall para reparar os veículos afetados, o que, segundo a Volkswagen, deve acontecer somente no início do próximo ano.

Ainda de acordo com o Ibama, não há indícios de que os carros da marca equipados com motores flex ou a gasolina estejam descumprindo as normas ambientais brasileiras.