Preço do Focus caiu quase 30% em 2019; veja a lista

Focus líde de depreciação em 2019 no Brasil
Focus liderou a lista dos veículos que sofreram maior depreciação

O preço de mercado do Ford Focus sofreu uma queda de 28,13%, aponta levantamento organizado pela Kelley Blue Book, referência em preços de carros novos e usados. O já conhecido Fiat Weekend ocupa o segundo lugar da lista, depreciando 27,80%. Outros dois modelos da Ford figuram na lista: em terceiro está o Ford Focus Fastback com porcentagem de 25,99%. Enquanto isso, a New EcoSport mostra depreciação de 20,53% na oitava posição.

Quando o assunto é preço de carros, há duas metodologias para calcular a perda de valor: desvalorização e depreciação. Depreciação usa o valor do veículo 0 Km em um período determinado em relação a seu atual valor residual, sempre considerando o mesmo ano e modelo e sem o mesmo rigor de sua definição contábil, que tem regras muito estritas. Neste estudo da KBB, foi aplicado o conceito de depreciação.

+ Hilux foi o carro que mais valorizou em 2019; veja lista
+ Land Rover Discovery 2020 chega ao Brasil; veja preços
+ Ford Focus fica até R$ 2.500 mais barato na linha 2019

Já a Desvalorização é a comparação do preço atual de um veículo com os valores aplicados pelo mercado à mesma versão fabricada em anos anteriores.

Menores e maiores depreciações
O método de depreciação possibilita que alguns índices, ainda que a princípio pareçam improváveis, sejam valorizados, ou seja, o valor do veículo usado é mais caro do que do carro 0KM no passado. Uma das explicações para este comportamento é o fato de o veículo ter sofrido uma forte alta, variação do câmbio e o bom posicionamento da marca no mercado.

Toyota Hilux sofre maior valorição em 2019 no Brasil
Toyota Hilux foi o carro que mais valorizou em 2019 no Brasil

A análise demonstra o desempenho citado com o modelo Toyota Hilux. O carro passou pela valorização de 0,55% em seu preço, seguido pela menor depreciação do Peugeot 3008 SUV de 1,49%. Já a montadora alemã Volkswagen contou com a dobradinha do Golf e Fox que perderam 3,41% e 3,65% do valor, respectivamente.