Questão de prioridades

FORD KA 1.6 a partir de R$ 31.800

Novo Ka e Sandero, a princípio, não são concorrentes: o Ford é um hatch compacto de duas portas, o Renault é quase um hatch médio, com quatro portas. Mas, apesar das muitas diferenças, eles têm também semelhanças, a começar pela mais importante para o consumidor – o preço.

Nas versões com motor 1.6 8V, “pelados”, o Sandero não cobra mais pelo espaço extra, e ambos partem praticamente do mesmo valor. Mas, conforme se adicionam ar-condicionado, direção hidráulica e outros equipamentos, o Renault vai ficando mais caro que o Ford, e aí você vai ter que, pelo mesmo valor, escolher entre os equipamentos do Ka ou o espaço do Sandero. Ou simplesmente pagar mais pelo último.

RENAULT SANDERO a partir de R$ 31.990

O Ka 1.6 parte de R$ 31.800, o Sandero de R$ 31.990 – e aí o Ford já leva vantagem, oferecendo itens não presentes na versão de entrada (Authentique) do concorrente: travas elétricas, alarme com controle remoto que abre portas e porta-malas, travamento automático das portas quando se atinge 15 km/h e brakelight. Além disso, o Ka ainda vem com itens pelos quais a Renault cobra R$ 1.000 adicionais: aquecedor, ajuste manual interno do retrovisor e lavador, calotas e limpador, lavador e desembaçador do vidro traseiro.

Ou seja, até aí o Sandero perde por pouco nos equipamentos (ou fica R$ 1.190 mais caro e quase se iguala), mas responde com quatro portas e muito mais espaço (vantagem de 18 cm no comprimento, 11 cm na largura e altura, 14 no entreeixos e 57 litros no porta-malas) – se essas são suas prioridades, para você o Sandero já é o vencedor deste comparativo.

O porta-malas do Ka cresceu, mas ainda é menor que o da maioria dos concorrentes

No interior da versão top de linha do Ka, airbag para motorista e passageiro – mas CD Player só é vendido como acessório, na concessionária. O painel e o acabamento são mais simples que os do Renault

Mas se você quer (ou precisa de) conforto, vai adicionar a eles ar, direção hidráulica e vidros elétricos. E aí o Ka tem uma versão bem atraente, por R$ 33.355, enquanto o Sandero terá que vir na versão Expression + Expression Pack, por R$ 39.390.

O design dos dois carros é totalmente novo e ousado. Eleger o mais bonito é uma simples questão de gosto

Por estes R$ 6.035 a mais, o Sandero terá também travas elétricas, vidros elétricos dianteiros, travamento automático das portas e brake-light – se igualando ao Ka – e ainda: aviso das luzes acessas, banco com regulagem de altura e airbag duplo (R$ 1.500). Não é o suficiente para justificar tal valor, e aí você está pagando mais pelo espaço do novo Renault.

Essa diferença nos preços se repete até chegarmos às versões top de linha. O Sandero Privilège, versão avaliada, sai por R$ 42.690 com airbags, o Ka top de linha custa R$ 36.390, também com airbags. Mas, enquanto o único item exclusivo do Ford são as rodas de liga-leve (não oferecidas no Renault), o Sandero mais caro vem com equipamentos que o Ka não oferece também em nenhuma versão: banco com regulagem de altura, computador de bordo, luz no porta- luvas, retrovisores elétricos, temporizador de iluminação interna e vidros traseiros elétricos.

Os mostradores com fundo branco dão um toque mais sofisticado, e o conta giros é maior. Assim como o Ka, tem airbags opcionais e o CD Player só pode ser comprado na concessionária

No mais, independentemente da versão, apesar dos 15 cavalos extras do Ford (com álcool) e 100 quilos a menos, desempenho e consumo são praticamente iguais nos dois carros. Mas o Ka é sutilmente mais gostoso de dirigir, com um acerto de suspensão mais esportivo e respostas mais “espertas” do motor.

Em relação ao acabamento, o Sandero é mais caprichado, sem partes de lataria expostas no interior, como no Ka – que agora tem um porta-luvas “normal”, pois o anterior era bastante criticado pelo pouco espaço e praticidade. Por outro lado, os vidros traseiros, antes basculantes, não abrem mais.

Conclusão? Entre os “pelados”, prefira o Sandero. Mas se você quer (ou precisa de) algo mais, confira os preços com cada um dos itens de conforto e opcionais que você deseja, pois provocarão grandes diferenças nos preços. Veja quais suas prioridades – conforto ou espaço – e quanto você está disposto a pagar por elas. E, só então, decida sua compra.

COMPARTILHAR
Notícia anteriorMil Milhas
Próxima notíciaFamília feliz