Raro Mercedes-Benz 190 E 2.5-16 EVO II já passa de R$ 1 milhão

O Mercedes-Benz 190 E 2.5-16 Evolution II é um dos carros mais cobiçados pelos colecionadores, com apenas 502 unidades produzidas

Foto: Gooding&Company.com

O Mercedes-Benz 190 E 2.5-16 Evolution II foi apresentado no Salão de Genebra de 1990. Um esportivo compacto derivado da geração W201 (chamado carinhosamente pelo público de “Baby Benz”), cuja revelação aconteceu no ano de 1982.

A estreia do EVO II na categoria DTM (German Touring Car Masters) ocorreu em 16 de junho de 1990, no Circuito Norte de Nürburgring, na Alemanha. Em 1992, o fabricante terminou a temporada nas três primeiras posições.

Foto: Divulgação

Ao todo, foram apenas 502 unidades construídas do EVO II – todas elas, finalizadas na tonalidade azul preto metálico. Muito cobiçado pelos colecionadores, um dos exemplares está sendo leiloado pela Gooding & Company.

+ Nissan Frontier roda 1.600.000 km e dono ganha outra picape de presente
+ Designer transforma BMW R 18 em dragster envenenada
+ Polícia de SP ganha Corolla e Spin para patrulhamento
+ Ford F-150 Raptor com ‘tempero’ Hennessey é leiloada

Sob o capô, o motor é um quatro cilindros em linha 2.5 com o pacote AMG PowerPack para entregar 235 cv a 7.200 rpm e torque de 25 kgfm entre 5.000 e 6.000 rpm. É fôlego suficiente para acelerar de 0 a 100 km/h em 7,1 segundos e chegar aos 250 km/h de velocidade máxima.

O visual de arrepiar exibe as rodas de 17″ e um kit de carroceria impressionante, com destaque para a grande asa montada sobre a tampa do porta-malas.

Mercedes-Benz 190 E 2.5-16 EVO II
Foto: Gooding&Company.com

O Mercedes-Benz 190 E 2.5-16 Evo II das fotos de número 105 possui apenas 10.030 km rodados. E a expectativa é de atingir entre US$ 225.000 e US$ 275.000 – o lance atual é de US$ 190.000 (algo próximo de R$ 1.005.461, em conversão direta).

Veja também

+ A biblioteca básica do motociclista cool

+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas

+ Homem compra Lamborghini após fraude em auxílio emergencial

+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar