Saiba como tirar o recall do documento do veículo

Mudança na legislação de trânsito que impede a emissão do CRLV para carros com recall pendente entrou em vigor no dia 12 de abril

0
2036

Recall é decretado quando o problema em um veículo pode provocar um acidente fatal

Os proprietários dos veículos que não atenderem a um recall de montadora até um ano após o anúncio do mesmo ficarão impedidos de emitir o CRLV (Certificado de Registro de Licenciamento de Veículo). A mudança da legislação foi trazida pela Lei 14.071/2020, que alterou diversos pontos do CTB (Código de Trânsito Brasileiro) e entrou em vigor no dia 12 de abril.

+ Licenciamento de 2020 em MG será obrigatório só a partir de julho
+ Conheça os principais motivos que impedem o licenciamento de um veículo
+ Carro com placa final 2 em SP deve ser licenciado em maio; saiba como
+ Dez multas que fazem você perder a CNH

Desde 2020, os avisos de recall são enviados eletronicamente pelo aplicativo Carteira Digital de Trânsito. Mais de 30 montadoras de veículos de todo o país já disponibilizam o serviço para o cidadão. O recall comunica que algum defeito no veículo foi identificado pela montadora e precisa ser reparado de maneira urgente e gratuita, já que pode acarretar acidentes fatais para os ocupantes do veículo.

Conforme o art.131 da Lei, as informações referentes às campanhas de chamamento de consumidores para substituição ou reparo de veículos não atendidas no prazo de um ano, contado da data de sua comunicação, deverão estar no CRLV.

CNH no celular, a Carteira Digital de Trânsito permite pagamento de multas com desconto
Carteira Digital de Trânsito concentra as versões digitais da CNH e do CRLV

“Quando o veículo tiver o indicador de recall, aparece uma tarja ‘recall não atendido’ em cima do módulo de veículos [da CDT]. Além disso, quando o cidadão entrar no módulo, também terá a sinalização para qual veículo existe aviso de recall. Caso a pessoa não regularize a situação em até um ano após a notificação de recall, no próximo evento de licenciamento será incluído a observação “Recall não atendido” no documento CRLV-e. Caso o cidadão não realize o Recall até o licenciamento do próximo exercício (após a inclusão da observação), este será bloqueado ao cidadão”, explica a gerente da Divisão de Digitalização de Serviços de Trânsito do Serpro, Lucélia Matsumoto

Como regularizar a situação

Para retirar a notificação de recall e conseguir gerar o CRLV, é preciso entrar em contato com a concessionária, agendar a regularização do recall e, então, levar o veículo para realizar o reparo ou troca de peça. “Quando o cidadão regularizar a situação e a montadora der baixa no procedimento, automaticamente, a observação de recall é retirada do CRLV-e e o proprietário poderá ter acesso ao CRLV tranquilamente pela CDT”, garante Lucélia.

Mais na Motor Show

+ Volvo não terá mais carros a combustão no Brasil
+ Avaliação: SUV elétrico, Ford Mustang Mach-E é evolução difícil de digerir
+ Veja 5 carros usados completos por até R$ 45 mil
+ Bateria descarregada: saiba o que fazer para sair do sufoco
+ Fiat oferece Argo 0 km com pronta entrega e desconto de até R$ 5 mil
+ Citroën faz promoção com bônus e revisão grátis para a compra do C4 Cactus

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel