Avaliação: Câmbio manual não tira o brilho do Honda Civic Sport

Com transmissão de seis marchas e rádio tradicional, o Honda Civic Sport MT entrega status, conforto e dirigibilidade por menos de R$ 88 mil

Avaliação: Citroën Aircross entra na briga com o câmbio AT6

Demorou sete temporadas, mas o Citroën Aircross ganhou um conjunto motor/câmbio digno de suas características versáteis e ficou muito melhor

Avaliação: Nissan Kicks S se destaca pela boa dirigibilidade

O Nissan Kicks agora é nacional. Por isso, aumentou sua oferta de versões e oferece câmbio manual de cinco marchas na mais barata

Avaliação: Mini Countryman é inglês com sotaque alemão

A nova geração do Mini Countryman tomou fermento e cresceu. Agora maior, oferece mais espaço na cabine. A dirigibilidade segue como outro ponto alto

Chevrolet Bolt EV: Energia à toda prova

Eis a resposta da GM para o desejo dos consumidores de carros elétricos: um compacto acessível, funcional, com boa performance e grande autonomia. Veja como ele se saiu no test drive que fizemos nos Estados Unidos

Avaliação: Renault Sandero Stepway melhora no que faltava

O Renault Sandero Stepway já evoluiu muito desde seu lançamento. Agora, o motor 1.6 SCe reduz o consumo urbano e aprimora a dirigibilidade

Avaliação: Mercedes-AMG A45 é um monstro para quem tem experiência

O Mercedes-AMG A45 segue o ditado de que são nos menores frascos que estão os melhores perfumes. Um bólido de rua para fazer sua alegria

Avaliação: Renault Captur ganha câmbio CVT para dobrar as vendas

O Renault Captur 1.6 SCe ganhou a transmissão X-Tronic CVT em duas versões intermediárias e se tornou mais competitivo no mercado de SUVs

Avaliação: Agora brasileiro, Nissan Kicks SL estreia novidades

O Nissan Kicks está vendendo rapidamente toda sua produção e agora passou a ser fabricado no Brasil. Veja as mudanças da versão topo de linha

Avaliação: Chevrolet Onix Effect mostra que não se mexe em time...

Volta da versão esportivada Effect é a única grande novidade do Chevrolet Onix 2018. No mais, o hatch segue a fórmula que o fez líder de vendas

Avaliação: Hyundai HB20S é um coreano que é tudo de bom

O Hyundai HB20S com motor 1.6 e câmbio automático de seis marchas entrega qualidade por um preço justo e tem conjunto mecânico superior

Avaliação: Audi A3 Sedan é bom de dirigir. Mas poderia ser...

O A3 Sedan ganhou um facelift e passa a ter opção de quadro de instrumentos digital na versão 2.0 Ambition

Avaliação: não confunda este HR-V Touring com aquele outro Touring

Ao contrário do Civic Touring, que tem motor 1.5 turbo, o Honda HR-V Touring mantém o 1.8 das outras versões, porém é mais equipado

Avaliação: Chevrolet S10 Flex AT está em busca do terreno perdido

A Chevrolet S10 Flex passa a ser comercializada com transmissão automática de seis marchas. Antes, uma exclusividade da Toyota Hilux

Avaliação: Fiat Mobi confirma evolução com novo câmbio GSR

A linha 2018 do Fiat Mobi Drive reforça sua vocação urbana com o bom casamento entre o motor de 3 cilindros e o câmbio automatizado

Avaliação: Citroën C4 Lounge Origine se destaca pelo custo-benefício

Com o mesmo motor 1.6 turbo flex de 173 cv das versões mais caras, o C4 Lounge Origine se destaca pelo custo-benefício imbatível

Avaliação: Agora automática, Chevrolet S10 Flex vai incomodar a Hilux

A Chevrolet S10 Flex passa a ser comercializada com câmbio automático. Uma exclusividade antes só da Toyota Hilux

Avaliação: Lifan M7, um concorrente para o Chevrolet Spin?

Conheça o Lifan M7, uma alternativa para as famílias que precisam de espaço, mas não querem comprar um utilitário esportivo

Avaliação: Chevrolet Cobalt fica mais economico sem perder a força

O Cobalt 2017 ganha um motor muito mais econômico e que entrega o torque em rotações baixas, reduzindo o ruído a bordo

Avaliação: Ford EcoSport foi pioneiro, mas ficou para trás

Lançado em 2003, ele lançou tendência e foi líder de vendas por nove anos seguidos. Agora, enfrenta a concorrência renovada

MAIS LIDAS

Nota de esclarecimento A Três Comércio de Publicações Ltda. (EDITORA TRÊS) vem informar aos seus consumidores que não realiza cobranças por telefone e que também não oferece cancelamento do contrato de assinatura de revistas mediante o pagamento de qualquer valor. Tampouco autoriza terceiros a fazê-lo. A Editora Três é vítima e não se responsabiliza por tais mensagens e cobranças, informando aos seus clientes que todas as medidas cabíveis foram tomadas, inclusive criminais, para apuração das responsabilidades.