Sedã JAC J7 chega ao Brasil em 2020

Médio tem motor 1.5 turbo de 150 cv e é maior do que os modelos do mesmo segmento vendidos por aqui

JAC J7 (Divulgação)

Durante o lançamento do SUV T60 (leia mais aqui), o presidente da JAC Motors, Sergio Habib, confirmou para o próximo ano o lançamento no Brasil do sedã médio A5, modelo que por aqui será comercializado com o nome J7.

Lançado em setembro, no Salão de Chengdu (China), o carro é o primeiro produzido pela joint-venture entre a JAC e a Volkswagen. O J7 traz uma carroceria de linhas esportivas, desenhada no estúdio de design da marca chinesa na Itália.

Com 4,77 m de comprimento e entre-eixos de 2,76 m, fica posicionado em tamanho acima de concorrentes como o Toyota Corolla e o VW Jetta. Sob o capô, o sedã traz um motor 1.5 turbo de 150 cv, que é combinado a um câmbio manual de seis marchas ou um automático CVT.

Na China, o modelo custa entre 84.800 (cerca de R$ 50.000) e 115.800 iuanes (R$ 68.000). Em sua versão de topo, o J7 traz itens como faróis do tipo LED Matrix, painel digital, seis airbags, banco do motorista com ajustes elétricos, ar-condicionado automático digital com saídas para o banco traseiro, teto solar panorâmico e sistema multimídia com tela de 10,4″. Os preços do modelo e o pacote de equipamentos para o Brasil ainda não foram divulgados.

Veja também

+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas

+ Homem compra Lamborghini após fraude em auxílio emergencial

+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar