Segredos: projeções exclusivas do novo VW Polo e mais sete novidades mundiais que chegam este ano


A pandemia não dá trégua, mas a indústria não para. Desvendamos aqui alguns segredos, em projeções exclusivas: o novo Volkswagen Polo e mais oito das principais novidades globais que chegam aos mercados — não necessariamente no brasileiro — ainda este ano.

Volkswagen Polo

Os SUVs compactos dominaram o mercado, isso é verdade, mas os hatches compactos premium, como este VW Polo de sexta geração, ainda terão seu espaço.

O novo Polo, ainda entre os segredos da marca, ganhará toques do Golf VIII, como mostra a projeção acima, chega no terceiro trimestre com nova dianteira e novos detalhes internos.

A atualização dos motores incluirá versões microhíbridas, ao menos na Europa, mas não uma puramente elétrica, pois a plataforma MQB A0 não é adequada. O comprimento vai a 4,08 metros, pouco menos do que media o Golf IV, de 1997.

Volkswagen ID.4 Coupésegredos

Dentro do grupo Volkswagen, a moda é combinar cada novo SUV “normal” com uma variante esportiva, ou SUV-Cupê.

Tal como com o Audi e-tron Q4 e o Q4 Sportback, o primo ID.4 (veja aqui) será oferecido em versão cupê. É possível que o nome seja ID.5 ou ID.4 GTX. No primeiro caso, a ausência do ID.4 no nome seria uma forma de sublinhar a diferença estética e de imagem.

Compartilhará com o ID.4 a plataforma MEB e toda a mecânica. Chega no terceiro trimestre.

Volkswagen ID.6

Os SUVs da família ID se multiplicarão, e alguns ainda são segredos, incluindo um modelo para grandes famílias.

Unidades em testes confirmam a chegada de um ID.4 alongado, talvez com sete lugares, cujo nome não é certo (ID.6?). Mudam tamanho e entre-eixos, e até os vidros ficarão maiores, com a adição da terceira fileira.

As formas do teto e da janela traseira também serão mais verticais, para favorecer a habitabilidade. Haverá também uma versão shooting brake. Estreia apenas no final do ano.

KIA Crossover

Este crossover elétrico, que pode ser revelado já em março, marcará uma revolução no design e terá uma nova plataforma (E-GMP, a mesma do Hyundai Ioniq 5 — leia aqui). Seu nome é desconhecido, mas ele deriva do conceito Imagine by Kia, apresentado no Salão de Genebra de 2019.

Na frente, os grupos ópticos de LED ficarão quase suspensos e fixados na grade. Será um progenitor totalmente elétrico de uma nova família e pode rivalizar com os supercarros elétricos, pois terá uma arquitetura de 800 volts.

Mercedes-Benz EQE

Depois do EQS, carro-chefe elétrico da marca, virá outro sedã, o EQE (equivale ao Classe E) para interpretar a nova ideia de luxo de Stuttgart: sustentável e responsável.

Diferentemente dos SUVs EQC, EQA e EQB, compartilhará com o EQS a nova arquitetura EVA, nascida elétrica (embora adaptável aos motores a combustão), que marcará à transformação da gama em uma frota de emissões zero até 2030. Terá bateria generosa (100 kWh) e autonomia de 700 km.

Toyota SUV EV

A Toyota, embora continue preferindo os híbridos, apostará também em carros elétricos. Entre seus grandes segredos, está este primeiro EV da marca. Ele terá a nova plataforma e-TNGA, para modelos do segmento B ao D, com diferentes tamanhos de bateria e tipos de tração.

Será este SUV médio-grande, com tamanho de RAV4 (leia aqui) e nome ainda desconhecido. Terá uma janela bem inclinada, tipo SUV-Cupê. Deve ser apresentado ainda este ano, com tração nas duas ou quatro rodas.

+Avaliação: Volkswagen T-Cross 200 TSI é SUV 1.0 com dirigibilidade acertada
+Carros híbridos: veja como funcionam os quatro tipos e confira os mais vendidos do Brasil
+Audi e-tron vs. Jaguar I-Pace: um comparativo dos SUVs elétricos que adiantam o futuro

Hyundai Bayon

O nome Bayon é inspirado em uma cidade francesa, e as proporções sugerem altura ligeiramente maior do que a do Kona e uma forma peculiar dos retrovisores para reduzir a turbulência do ar.

Os motores serão 1.0 turbo, com 100/120 cv e sistema híbrido de 48 volts para recuperar energia de frenagem. Promete ser campeão de espaço, com porta-malas de 400 litros. Mas não deve vir para o Brasil, que terá um irmão menor do Creta, baseado no HB20.

KIA Sportagesegredos

Cadê o “nariz de tigre”, marca do designer Peter Schreyer? O novo Sportage, que talvez merecesse outro nome, está entre os segredos da marca, e será bem diferente.

A plataforma é a do novo Hyundai Tucson: mas só isso, porque o estilo do Kia será cada vez mais peculiar.

Os motores concentram-se no 1.6 a gasolina, eletrificado na versão híbrida de 48 volts, e um híbrido plug-in esportivo, com 261 cv. Como antes, tração dianteira ou AWD. Apresentação apenas no final do ano.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel