Divulogação/EBC

A partir de 14 de dezembro, os candidatos a obtenção da CNH categoria B (carros de passeio) em todo o estado de São Paulo terão que realizar aulas em simulador como parte do processo de obtenção da habilitação. As informações são do Departamento Estadual de Trânsito de São Paulo (Detran-SP).

As aulas deverão se realizadas após o curso teórico e antes da prova prática. Serão 5h/aula obrigatórias, número que opcionalmente pode subir para até 8h/aula, sendo 4h em ambiente diurno e 4h no ambiente noturno. Os condutores com habilitação categoria A (motos) que quiserem obter o documento categoria B poderão fazer até 7 das 20h/aula no simulador.


No simulador, o futuro motorista poderá vivenciar situações cotidianas do trânsito, como condições climáticas e de tráfego adversas. Segundo o Departamento Estadual de Trânsito, as autoescolas poderão compartilhar os simuladores de terceiros, desde que os equipamentos estejam registrados junto ao Detran. Os aparelhos devem ser adquiridos somente de empresas homologadas pelo Departamento Nacional de Trânsito (Denatran).

Desde 3 de julho de 2014, o uso do equipamento é opcional. De acordo com o Detran-SP, atualmente 1 mil simuladores estão em uso no estado.