Stellantis constrói liderança no Brasil e na Argentina

0
6
Foto: Divulgação

A Stellantis construiu uma liderança de vendas nos mercados de automóveis e comerciais leves do Brasil e da Argentina no mês de setembro e no acumulado do ano.

No mercado brasileiro, a Stellantis emplacou 44.964 unidades em setembro, alcançando 31,4% de participação de mercado, e posicionou seis modelos entre os dez mais vendidos no mês, com destaque para as picapes Fiat Toro e Strada, e os SUVs Jeep Compass e Renegade.


+ Avaliação: Fiat Toro Ultra é Compass diesel em forma de picape com “porta-malas”; vale a pena?
+ Nova Toro: Fiat lança as versões Chrome e Black Edition; veja o preço

No acumulado do ano, as vendas somam 485.525 unidades e 32,9% de participação de mercado. Seis modelos estão entre os dez mais vendidos desde janeiro, com destaque para a Fiat Strada, o veículo mais vendido no Brasil, com 85.386 unidades emplacadas no ano.

Peugeot registra alta de 146% nas vendas do acumulado do ano 

Com 19.981 unidades comercializadas até setembro deste ano, a Peugeot registrou um crescimento de 146% comparado ao mesmo período de 2020.

No acumulado do ano, a marca dobrou sua participação de mercado, comercializando 53% mais carros do que no ano passado inteiro.

Liderança na Argentina

A Stellantis encerrou o mês com 9 mil veículos vendidos na Argentina e a liderança do mercado, com 30,5% de participação.

No acumulado do ano, a empresa comercializou 82.500 unidades, respondendo por 28,7% das vendas na Argentina. O Fiat Cronos é o líder de vendas.

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ BYD lidera as vendas globais de veículos elétricos
+ Avaliação: Fiat 500e, o ícone foi eletrificado
+ Scania abre 60 vagas de estágio; veja como se inscrever
+ Conheça o carregador de carro elétrico mais rápido do mundo: 15 minutos
+ Jeep tem melhor trimestre da história em participação de mercado
+ Leilão desta sexta tem Porsche e Land Rover; descontos chegam até 70%
+ Chevrolet exibe primeiro teaser da picape elétrica Silverado; assista
+ Nissan terá novo turno e mais 578 vagas em Resende para suprir Kicks
+ General Motors quer dobrar suas receitas anualmente; veja as metas
+ Preço médio da gasolina sobe e atinge R$ 6,30; etanol não é vantajoso