Stock Car 2008

A Stock Car, principal categoria do automobilismo nacional, começa 2008 com muitas novidades. Na mecânica dos carros não há muitas mudanças, apenas algumas melhorias para garantir a segurança dos pilotos. No caso da Stock Jr., os carros terão novas asas dianteiras e traseiras. Mas as boas novas vêm mesmo por parte das alterações de regulamentos, categorias e parceiros da competição. Este ano a fornecedora de pneus não será mais a Pirelli, e sim a Goodyear, e a Volkswagen, que antes participava da categoria com o Bora, deixou o campeonato. As demais marcas continuam disputando. As modalidades também mudaram, e agora são cinco, e não mais quatro: Stock Car Jr., Brasileiro de Pick- Up Racing, Copa Vicar e Copa Nextel. No campeonato de picapes, que começa este ano, os carros usarão os mesmos chassi, câmbio e motor que as copas Vicar e Nextel (veja box).

Outra novidade interessante é a extinção da modalidade antes chamada de Light. Para este ano, a organização do evento resolveu que chamará Copa Vicar, e será uma espécie de série B da Stock. Os carros são os mesmos, com desempenho igual aos da categoria principal, mas a categoria continuará sendo um campeonato de acesso à Copa Nextel. E também será multimarcas, contando com os modelos Peugeot 307 Sedan, GM Astra Sedan e Mitsubishi Lancer compondo o grid.

Mudanças de regulamentos também foram feitas para dar ainda mais competitividade e emoção às provas. A partir deste ano, os carros voltarão a fazer o reabastecimento nos boxes e o sistema de treinos classificatórios será parecido com o da Fórmula 1. O treino será dividido em três etapas: a primeira bateria definirá os pilotos que largarão da 16a à 34a posições; a segunda decidirá os pilotos das posições de 7º a 15º; a terceira definirá as seis melhores posições no grid de largada.

Além desse pacote de alterações, a Vicar, que organiza o evento, introduziu este ano no calendário uma prova especial da Copa Nextel que dará ao vencedor um prêmio de R$ 1 milhão. Essa corrida está programada para acontecer no Rio de Janeiro, no segundo semestre.

Brasileiro de Pick-Up Racing

Seguindo o exemplo americano da Nascar, que também conta com uma categoria de picapes (Truck Series), a Vicar, organizadora da Stock Car, começa este ano a organizar a modalidade, que já existia desde 1999. Para este ano, os carros usarão os mesmos chassis, motores e câmbios da Copa Nextel. O diferencial estará nas carenagens. Neste primeiro ano, as montadoras participantes são a Chevrolet, com o modelo S-10, e a Mitsubishi, com a L200. O campeonato terá oito etapas, muitas nos mesmos dias que a Copa Nextel, principal categoria do automobílismo nacional.

1. Freios

Sistema a disco, independente para as quatro rodas

2. Chassi

Tubular, feito em cromomolibdênio, chapas de aço e fibra de carbono, tudo com revestimento antichama. Para este ano, a organização do evento acrescentou mais uma barra na lateral do carro, para melhorar a segurança

3. Transmissão

Seqüencial de cinco marchas mais ré, com tração traseira. Dependendo da pista, as relações são alteradas para melhorar o desempenho

4. Motor

Unidades V8 de 450 cv a 6.000 rpm levam os carros à máxima de 250 km/h. Isso faz com que o consumo médio fique em torno de apenas 1,5 km/

5. Suspensão

Independente nas quatro rodas, com barras estabilizadoras reguláveis

6. Pneus

Goodyear, com composto médio/duro, exclusivamente desenvolvidos para a categoria

COMPARTILHAR
Notícia anteriorPlcanto
Próxima notíciaSantana ainda reina na China