Strada Adventure Extreme aposta em conectividade e visual invocado

Fiat Strada é praticamente a mesma desde o seu lançamento, em 1998. No entanto, ela vem se atualizando e lidera sua categoria, com 98.623 unidades emplacadas em 2015 (contra 56.699 da VW Saveiro). Enquanto a sua nova geração não vem – e depois da chegada da Renault Duster Oroch e de sua nova irmã Toro –, a Strada estreou a série especial Adventure Extreme. Encontrada nas carrocerias Cabine Estendida (R$ 64.750) e Dupla (R$ 71.120), têm detalhes escurecidos: rodas aro 16, molduras do para-choque dianteiro, grade do radiador, faróis com máscara negra, além de barra da caçamba e logotipos alusivos à versão.

Exclusiva por fora, a Strada Extreme traz como novidade do interior a nova central multimídia com comandos no volante e dotada de tela de 6,2” sensível ao toque, com tevê digital, navegador, bluetooth, entradas auxiliar/USB e câmera de ré. Embora o gráfico dessa central multimídia não seja a última palavra em design, a interface é de fácil utilização. A ergonomia da cabine ainda derrapa em certos quesitos, como a coluna de direção não ajustável em profundidade (mas a Duster Oroch também não oferece).

Aliás, até quatro pessoas viajam com algum espaço. E a terceira porta facilita o acesso à cabine, mas é preciso tomar cuidado para não prender o pé no cinto de segurança ao desembarcar. Com isso, a caçamba é pequena, mas a Fiat oferece um extensor (opcional) para acomodar e transportar uma motocicleta, por exemplo. Fora o visual invocado e a maior conectividade, essa Strada Adventure Extreme continua sendo a nossa “velha” conhecida Strada.

Sob o capô, o motor 1.8 tem fôlego nos baixos giros e está associado ao câmbio manual de cinco marchas – lembrando que seus engates poderiam ser mais justos e precisos. Quem preferir pode optar pela transmissão automatizada Dualogic, de embreagem simples, por R$ 4.081 a mais. As suspensões são macias e garantem o conforto dos passageiros ao passar pelas irregularidades do asfalto sem prejudicar a dinâmica da picape compacta nas curvas. Completa, porém, essa Fiat Strada custa mais de R$ 80.000.

—–

Ficha técnica

Fiat Strada Adventure Extreme

Preço básico: R$ 71.120
Carro avaliado: R$ 80.057
Motor:
4 cilindros em linha 1.8, 16V
Cilindrada: 1747 cm3
Combustível: flex
Potência: 130 cv a 5.250 rpm (g) e 132 cv a 5.250 rpm (e)
Torque: 18,4 kgfm a 4.500 (g) e 18,9 kgfm a 4.500 rpm (e)
Câmbio: manual, cinco marchas
Direção: hidráulica
Suspensões: McPherson (d) e eixo rígido (t)
Freios: discos ventilados (d) e tambores (t)
Tração: dianteira, bloqueio eletrônico do diferencial
Dimensões: 4,471 m (c), 1,740 m (l), 1,648 m (a)
Entre-eixos: 2,753 m
Pneus: 205/60 R16
Caçamba: 680 litros
Tanque: 58 litros
Peso: 1.253 kg
0-100 km/h: 10s6 (g) e 10s3 (e)
Velocidade máxima: 178 km/h (g) e 179 km/h (e)
Emissão de CO2: sem dados
Consumo: não divulgado
Nota do Inmetro: não participa