SUV MÉDIO: Peugeot 3008

Um pacote completo contra o ataque dos rivais

70708

CONFIRA AQUI TODOS OS PREMIADOS NO COMPRA DO ANO 2019

Desenho arrojado, porte robusto, plataforma moderna, motor turbo, equipamentos e conforto a bordo. O Peugeot 3008 consegue reunir várias virtudes da categoria em um só carro. Esta segunda geração, lançada em 2017, ainda ganhou nova versão equipada com tecnologias de condução semi-autônoma. O recheio da linha já é interessante. Seis airbags, controles de estabilidade e tração, assistente de partida em rampas, ar de duas zonas, carregamento sem fio de celular e faróis de LED estão no pacote básico.

Coube à Griffe Pack trazer mais da tecnologia semiautônoma, como o controle de cruzeiro adaptativo, que mantém a distância para o carro da frente. Tem ainda sistema de monitoramento de faixa – que alerta e atua no volante quando se muda de pista sem acionar a seta – e sensor de ponto cego, que aumenta até a resistência ao esterço no volante. O mais bacana, porém, é o sistema que lê as placas e alerta para a velocidade máxima daquela via.

O conjunto da obra do 3008 inclui o elogiado motor turbo 1.6 de 165 cv, com força de sobra em baixos giros. O acerto dinâmico é outro destaque do Peugeot, com ótima rigidez da carroceria em curvas, com a suspensão mais firme. O resultado é um SUV parrudo, bem disposto e grudado no asfalto. O 3008 conseguiu superar não só o líder Jeep Compass (o SUV vende mais que os compactos), como ótimas novidades do mercado. A Volkswagen iniciou a importação do novo Tiguan Allspace, enquanto a Chevrolet começou a vender o confortável e espaçoso Equinox. O leão, nesse caso, mostrou garras mais afiadas.