Teste Rápido: Audi Q3 muda tudo, menos o motor

Nova geração do Audi Q3 chega importado da Hungria. Ele está maior e mais espaçoso, mas manteve o motor 1.4, que não é mais flex – e que garante uma dirigibilidade condizente à proposta do SUV

De antigo Audi Q3 restou apenas o nome e o motor. Afinal, o SUV da Audi mudou radicalmente. Para iniciarmos a prosa, ele passou a ser feito sobre a base MQB A SUV, substituindo a antiga PQ 35 (do VW Golf de quinta e sexta gerações).  Uma das evoluções do novo Audi Q3 está nas dimensões maiores – são 9,7 cm a mais no comprimento (4,484 m), 2,5 cm na largura (1,849 m) e 7,7 cm no entre-eixos (2,680 m). 

Outra novidade do Audi Q3 é o banco traseiro corrediço, que pode ser movimentado para a frente em 15 cm. Desta forma, o porta-malas, agora de 530 litros, vai a 675 litros, dependendo da posição do banco. Ou 1.525 litros com o rebatimento dos encostos.
O novo Audi Q3 terá três versões à venda a partir de 14 de fevereiro: Prestige (R$ 179.990), Prestige Plus (R$ 189.990) e a topo avaliada Black (R$ 209.990). Segundo o fabricante, o Q3 Sportback e o RS Q3 estão em estudo para o nosso mercado.

O visual está mais dinâmico e o novo Audi Q3 ganhou grade frontal octogonal Singleframe, linhas laterais mais pronunciadas e lanternas redesenhadas. As rodas são de 17” na Prestige, de 18” na Prestige Plus e de 19” na Black. Está última, com detalhes da carroceria em preto brilhante. 

O novo Audi Q3 está disponíveis em nove cores: branco Ibis, laranja Pulse, prata Florete, cinza Cronos, preto Mito, cinza Nano, branco Geleira, azul Cosmos e vermelho Tango.

DIRIGIBILIDADE ACERTADA
Sob o capô, o novo Audi Q3 tem o mesmo motor 1.4 turbinado, a gasolina, que oferece 150 cv de potência e 25,5 de torque. No Q3 antigo, o 1.4 flex, com os mesmos números de desempenho (etanol/gasolina). A relação peso x potência de 10,53 kg/cv permite ao novo Audi Q3 entregar um desempenho bastante elástico.  E pudemos comprovar durante o test-drive realizado em trajetos urbano, rodoviário e até no fora-de-estrada. 

O novo Audi Q3 agrada pela força logo após a marcha lenta e o bloco 1.4 (construído na Hungria tal e qual o carro) está conectado ao câmbio de dupla embreagem e seis marchas. É a mesma caixa DQ250 do antecessor, porém, com nova calibração para deixar as respostas mais espertas. Quem preferir pode realizar mudanças sequenciais pelas borboletas atrás do volante ou na alavanca. 

Na estrada, rodando a 100 km/h em sexta, o ponteiro do conta-giros do Audi Q3 repousa nas 2.000 rpm e a 120 km/h, 2.500 rpm. Sendo assim, cooperando na baixíssima vibração e no consumo – registramos médias rodoviárias de 14 km/l. 

O Audi Q3 tem o seletor de modos de condução Audi Drive Select, com os programas Auto, Comfort, Dynamic, Off-Road e Individual, que alteram o comportamento do pedal do acelerador, da direção e do câmbio. 

Ao escolher o Dynamic, a agulha do conta-giros aumenta em 500 rpm e as reações do novo Audi Q3 ficam mais divertidas. A rolagem da carroceria diminuiu em comparação ao Audi Q3 do passado devido as barras estabilizadoras na frente e atrás. 

FORA-DE-ESTRADA?
Os pneus Hankook Ventus S1 Evo² SUV do Audi Q3 ajudam no “chão” e até na capacidade de tração no fora-de-estrada. Encaramos um trajeto light de terra batida e pedras sob forte chuva e os “borrachudos” deram conta do recado. 

Claro que o Audi Q3 não é projetado para enfrentar um off-road pesado, e a tração é apenas dianteira. Mesmo assim, ele transmitiu desenvoltura nesta condição. O programa Off-Road configura o carro para uma maior entrega de torque e o câmbio trabalha em primeira e segunda marcha para vencer as adversidades. 

O bom campo de visão do Audi Q3 auxilia o motorista a ver os obstáculos à frente e a ergonomia é auxiliada pela coluna de direção com ajuste de altura/distância e os bancos dianteiros reguláveis eletricamente. O quadro de instrumentos Audi Virtual Cockpit (a partir da Prestige Plus) é dotado de tela de 10,25” e os puxadores de portas merecem elogios por conta do belíssimo design. 

A tela do multimídia MMI vinda do irmão maior Q8 possui conectividade Android Auto/Apple CarPlay. Estão disponíveis quatro entradas USB (duas na frente e duas atrás), além de tomada 12V. No entanto, não há o assistente de pontos cegos em nenhuma configuração. 

EQUIPAMENTOS E OPCIONAIS
Desde a versão Prestige, o Q3 traz câmera de ré, controle de descida em ladeira e assistente de partida em rampa. A intermediária Prestige Plus, entre os itens, oferece ar-condicionado de duas zonas, tampa do porta-malas com abertura/fechamento elétrico, keyless, faróis Full LED com ajuste automático de altura, lanternas com luzes de direção dinâmicas, espelhos retrovisores elétricos/ rebatíveis automaticamente e o já mencionado Audi Virtual Cockpit. O teto solar panorâmico Open Sky é cobrado à parte (R$ 8.000) e de série na topo Black. 

O Audi Q3 Black possui bancos em Alcantara e outros detalhes do interior revestidos no mesmo material cobram R$ 4.000 a mais. O pacote de luzes internas configuráveis em 30 cores custa R$ 3.500. A Black pode ter o ACC Stop&Go por R$ 8.000 extras, que incorpora controle de cruzeiro adaptativo, assistente de congestionamento e o Audi Pre-Sense, com detecção de pedestres, ciclistas e outros veículos. Caso seja necessário, o sistema executa uma frenagem de emergência. Em todas as configurações, a pintura metálica/perolizada tem preço de R$ 1.500.


Ficha Técnica
AUDI Q3
Preço básico: R$ 179.990 (Prestige)
Carro avaliado: R$ 209.990 (Black)
Motor: 4 cilindros em linha 1.4, 16V, turbo, injeção direta
Cilindrada: 1395 cm3
Combustível: gasolina
Potência: 150 cv a 5.000 rpm
Torque: 25,5 kgfm entre 1.500 e 3.500 rpm
Câmbio: dupla embreagem, seis marchas
Direção: elétrica
Suspensão: MacPherson (d) e multilink (t)
Freios: disco ventilado (d) e disco sólido (t)  
Tração: Dianteira
Dimensões: 4,484 m (c)1,849 m (l), 1,616 m (a)
Entre-eixos: 2,680 m
Pneus: 235/50 R19
Porta-malas: 530 litros (1.525 com o banco traseiro rebatido)
Tanque: 58 litros
Peso: 1.580 kg
0-100 km/h: 9s3
Velocidade máxima: 207 km/h 
Consumo cidade: 10,2 km/l*
Consumo estrada: 12 km/l*
Emissão de CO2: 123 g/km*
Nota do Inmetro: C*
Classificação na categoria: C*
*estimado