Toyota Corolla 2020 parte de R$ 99.990; veja preços, versões e equipamentos

Em nova geração, o Toyota Corolla estreia no Brasil equipado com um motor 2.0 mais potente e uma versão híbrida flex, com seu 1.8 bicombustível ajudado por dois motores elétricos

Divulgação

A nova geração do Toyota Corolla começa a ser vendida no Brasil no dia 12 de setembro com preços a partir de R$ 99.990. A linha 2020 do sedã médio mais vendido do Brasil nos últimos cinco anos consecutivos (e o carro mais vendido do mundo) estreia uma plataforma nova, traz um 2.0 mais poderoso e investe em uma versão híbrida flex. São três versões a combustão – GLi, XEi e Altis –, além do Corolla Híbrido Altis, que ganha a ajuda elétrica para gastar menos gasolina. 

Enquanto o Toyota Corolla antes tinha motor 1.8 ou 2.0, agora todas as versões a combustão usam o 2.0 em versão atualizada, rebatizado com o pomposo nome “Dynamic Force” (força dinâmica). É o conhecido aspirado que ganhou injeção direta e indireta e agora funciona no Ciclo Atkinson.

As mudanças trouxeram mais potência: são 169 cv com gasolina e 177 com etanol, contra 143/154 cv no antigo 2.0 e 139/144 cv no 1.8). O torque é de 21,4 kgfm a altas 4.400 rpm com ambos os combustíveis (0,7 kgfm a mais).

Vale notar que, excluindo o esportivo Jetta GLI com seus 230 cv, o Toyota Corolla 2.0 Dynamic Force é agora o mais potente da categoria de sedãs médios de marcas generalistas – o Civic Touring 1.5 turbo e o C4 Lounge 1.6 THP têm até 173 cv, o Jetta 1.4 TSI tem 150 cv…

A transmissão CVT também foi atualizada: simula dez marchas em vez de sete, com modo sequencial em todas as versões – mas na GLI não há as aletas para trocas de marcha no volante. A caixa ganhou uma embreagem mecânica para melhorar as saídas, ponto críticos dos câmbios CVT.

Mas a maior novidade mecânica está na versão híbrida, que combina um motor 1.8 flex de 98/101 cv e 14,5 kgfm com dois elétricos que somam 72 cv e 16,6 kgfm extras e um sistema de recuperação de energia que alimenta suas baterias, garantindo um consumo que, com gasolina, pode passar de 20 km/l na cidade (faremos testes mais longos com ele em breve). Tudo depende de como você dirige.

Além de eletrificar o segmento de sedãs médios, o Corolla Hybrid é o primeiro carro híbrido é flex do mundo – ou seja, o primeiro híbrido com emissão zero de CO2 (considerando todo o ciclo do combustível). Segundo o Inmetro-PBEV, o Corolla Híbrido roda 16,3 km/l na cidade e 14,5 km/l na estrada quando abastecido com gasolina, e, com etanol, são 10,9 km/l na cidade e 9,9 km/l na estrada.

Não são números que impressionam tanto, mas, como já falei antes em meu blog sobre o RAV4, o consumo dos carros híbridos pode variar muito (leia aqui)E em testes internos, em parceria com o Instituto Mauá de Tecnologia, a própria Toyota obteve médias de 20,8 km/l (com gasolina) na cidade.

O Corolla 2020 usa a plataforma GA-C, uma variação da modular TNGA dos novo Prius e RAV4 Hybrid, entre outros. Seu centro de gravidade ficou 1 cm mais baixo, e a carroceria cresceu só 1 cm no comprimento, 0,5 na largura e manteve os já bons 2,70 metros de entreeixos e os adequados 470 litros de porta-malas (há maiores entre os sedãs). Na altura total, perdeu 2 cm. Mas o vão livre do solo cresceu 4 cm.

Com a nova plataforma, a marca informa que a carroceria do sedã está 60% mais rígida, e o melhor: a suspensão traseira agora é de braços sobrepostos, em vez do eixo de torção de sempre, o que deve melhorar a dinâmica do sedã, aproximando-o do rival Civic. Segundo a marca, a coluna dianteira (coluna A) foi refinada e reposicionada, melhorando a visibilidade lateral frontal, enquanto os retrovisores externos foram reposicionados. 

Dentro da cabine, o painel mudou totalmente. Ficou um pouco mais baixo, aumentando a sensação de espaço para os ocupantes dos bancos dianteiros, e ganhou em todas as versões uma grande tela do sistema multimídia enfim, acredite, compatível com Android Auto e Apple CarPlay (até meio exagerada, na verdade).

O sedã é muito bem equipado e capricha nos itens de segurança, com muitos airbags desde a versão de entrada (detalhes abaixo). Para conquistar os clientes fãs de tecnologia, o Corolla 2020 oferece, nas versões Altis, flex ou híbrida, um pacote de assistência ao motorista com sistemas semiautônomos como ACC, alerta de mudança de faixa e de colisão com frenagem automática, luz alta automática e mais.

Em breve traremos uma avaliação mais completa do modelo e mais detalhes sobre a mecânica e como anda. Por enquanto, confira abaixo todas as versões, preços e pacotes.

PREÇOS E EQUIPAMENTOS

Corolla GLi (R$ 99.990)

Acabamento interno com mistura de couro preto e tecido, acabamento do volante e detalhe da manopla da transmissão em couro preto, retrovisores externos elétricos com pisca integrado e eletrorretráteis, painel de instrumentos com dois indicadores analógicos e tela TFT 4,2” digital colorida, ar-condicionado manual, ajuste de altura do banco do motorista, banco traseiro bipartido, bancos traseiros com descansa-braços central e porta copos, chave com comandos abertura, travamento das portas e alarme.

Direção com ajuste de altura e profundidade, direção elétrica, duas conexões USB, faróis com acendimento automático e ajuste de altura, luzes diurnas (DRL), lanternas traseiras com luz de freio, de ré e neblina LED, para-sol com espelho e luz de cortesia para motorista e passageiro, porta-luvas e porta-malas iluminados, porta-revistas, todos os vidros um-toque, película antirruído no para-brisa, volante multifuncional, tapetes dianteiros e traseiros em carpete.

Airbags frontais, laterais, de cortina e de joelho (motorista), camera de ré, cintos de segurança traseiros de três pontos, controle de estabilidade (ESP), controle de tração, luz de neblina traseira, assistente de partida em subidas, isofix, ABS, trava automática das portas. Sistema multimídia Toyota Play com tela sensível ao toque de 8″, rádio AM/FM, MP3, entrada USB, bluetooth e espelhamento Android Auto, Apple CarPlay e SDL. Rodas de liga aro 16 com acabamento prata e pneus 205/55 R16.

Corolla XEi (R$ 110.990)

Acabamento interno em couro preto. Acrescenta difusores prateados, rodas aro 17” com pneus 225/45 e acabamento prata, regulador de velocidade, ar-condicionado automático digital, retrovisor eletrocrômico, modo de condução Sport, luzes de leitura individuais para motorista e passageiro, aleta para troca de marchas no volante (paddle shift), chave presencial (entrada e partida), faróis de neblina dianteiros de LED. 

Corolla Altis (R$ 124.990)

Acabamento black piano na grade dianteira, acabamento interno em couro bege e marrom, maçanetas internas com acabamento na cor prata, rodas aro 17” com pneus 225/45 e acabamento na cor prata. 

Adiciona ao XEi ar-condicionado de duas zonas, banco do motorista com ajustes elétricos, controlador de velocidade adaptativo (ACC), retrovisores eletrorretráteis com ajuste elétrico e rebatimento automático, faróis de LED (alto e baixo), lanternas full-LED, alerta de colisão com frenagem automática, luz alta automática, sensor de chuva, alerta de mudança de faixa.

Corolla Altis Híbrido (R$ 124.990)

Acabamento black piano na grade inferior dianteira, acabamento interno em couro preto. Perde as aletas no volante. Quadro de instrumentos com tela TFT de 7” digital e colorida. Soma ao XEi controlador de velocidade adaptativo (ACC), faróis de LED (alto e baixo), lanternas full-LED, alerta de colisão com frenagem automática, farol alto automático, alerta de mudança de faixa. 

Pacote Premium para Corolla Altis Híbrido (+ R$ 6 mil)

Acabamento interno em couro bege e marrom, maçanetas internas com acabamento na cor prata, ar-condicionado de duas zonas, banco do motorista com oito ajustes elétricos, teto-solar, sensor de chuva, rebatimento automático dos retrovisores

CORES:

As cores disponíveis para o Novo Corolla são Branco Polar (sólido), Branco Perolizado, além das cores metálicas: Preto Eclipse, Prata Supernova Vermelho Granada, Marrom Urban e o novo Cinza Celestial