Toyota mostra novo Corolla em SP; sedã chega no fim do ano com versão híbrida flex

Nova geração do sedã foi mostrada pelo Governador de SP, João Dória Jr.; chegada às lojas será no final deste ano

Nova geração do Corolla chega ao Brasil no final deste ano (Foto: Divulgação)

A Toyota mostrou nesta quarta-feira (17), pela primeira vez, a nova geração do Corolla no Brasil, já com o título de primeiro veículo de produção em massa com tecnologia de propulsão híbrida flex – sistema que vinha sendo testado no Prius desde o ano passado. A apresentação aconteceu em uma cerimônia no Palácio dos Bandeirantes, sede do Governo do Estado de São Paulo.

A marca japonesa fez questão de destacar, ainda, que o Novo Corolla será o primeiro veículo do mundo a ser equipado com propulsão híbrida flex, tecnologia esta desenvolvida no Brasil em conjunto com a engenharia da Toyota do Japão.

Segundo a marca, com essa nova motorização, ele será o carro movido a etanol mais eficiente do país e também o “híbrido mais limpo” do planeta. Dessa forma, o novo Corolla atende aos requisitos de eficiência estabelecidos pelo Rota 2030.

Ele será feito sobre a nova plataforma TNGA em Indaiatuba (SP) e está previsto para ser lançado por aqui no último trimestre de 2019.

Quando começou?

Vale lembrar que estudos envolvendo a tecnologia híbrida flex da Toyota foram anunciados pela fabricante em março do ano passado, enquanto a confirmação de produção do sistema aconteceu em dezembro. A marca afirma que o projeto foi iniciado em 2015, em parceria de engenharia entre a Toyota do Brasil e do Japão.

Muita especulação se deu em cima do Prius, o híbrido da Toyota vendido no Brasil há alguns anos e que era o “favorito” a receber em primeira-mão a tecnologia. Surpreendentemente, a 12ª geração do Corolla – o carro mais vendido do mundo – foi a escolhida pela Toyota do Brasil para fazer a estreia do inédito conjunto mecânico.

O Corolla, portanto, passará a ser produzido sobre a plataforma TNGA que já é responsável pela produção de Prius, C-HR e Camry – viabilizando, por que não, a produção nacional destes dois primeiros modelos.

Novo Corolla brasileiro seguirá padrão de design europeu… mais uma vez (Foto: Divulgação)