Toyota Yaris chega à Argentina a partir de R$ 52.400

Hatch e sedã feitos no Brasil chegam ao país vizinho apenas com o motor 1.5 a gasolina de 107 cv

Divulgação

Os Toyota Yaris Hatch (confira aqui a avaliação) e Sedã (confira aqui a avaliação) feitos em Sorocaba (SP) começam a ser vendidos também na Argentina, substituindo o Yaris importado da Tailândia. Oferecido no mercado argentino somente com o motor 1.5 a gasolina de 107 cv e o câmbio manual de seis marchas ou automático CVT, o compacto tem preços entre 481.600 pesos (R$ 52.400), no Hatch XS manual, e 663.300 pesos (R$ 72.200), no Hatch S CVT.

O hatch é oferecido nas versões XS (câmbio manual), XLS (manual ou CVT) e S (manual ou CVT). Já o sedã está disponível nas configurações XS (câmbio manual) e XLS (manual) e XLS Pack (CVT). Com exceção da versão XS (que é mais simples que a XL brasileira e tem rodas de aço) e da oferta das luzes diurnas de LED em todas as configurações (por aqui, é acessório de concessionária), o pacote de equipamentos é muito parecido com o do Yaris vendido no Brasil, com os airbags laterais, de cortina e para os joelhos do motorista disponíveis apenas nas versões de topo.

Outra exclusividade do Yaris vendido na Argentina é a garantia de 5 anos ou 150 mil, que a partir deste mês é oferecida em todos os modelos da marca japonesa vendidos no país vizinho.