Trabalho eletrificado

A Nissan e a FedEx realizam um programa mundial de testes da van compacta e-NV200. O protótipo cou um mês no Rio de Janeiro. O Nissan e-NV200 é o segundo veículo 100% elétrico da marca (o primeiro é o Leaf) e foi apresentado no Salão de Genebra (cobertura na página 26). Produzido na Espanha, suas vendas iniciam-se na Europa no meio do ano. Para o Brasil, não existem planos de importação devido à falta de incentivos scais e de infraestrutura. MOTOR SHOW teve um breve contato com o carro no estacionamento do estádio do Maracanã.

O motor elétrico de 109 cv e 28,5 kgfm transmite respostas imediatas e vigorosas ao toque no acelerador. O silêncio é absoluto e o único barulho vem da rolagem dos pneus no asfalto. O conjunto de baterias de íon de lítio está posicionado no assoalho do carro e, dependendo do jeito de guiar, o alcance é de 160 quilômetros. A tração é dianteira. Na hora de abastecer, plugado em uma estação de recarga de 400 volts durante 30 minutos, é possível completar 80% da carga. Já em tomadas de 110 volts são necessárias 22 horas e nas de 220 volts, quatro horas. A bateria tem nove anos de garantia. Embora essa variante seja voltada para o trabalho, também haverá uma versão do e-NV200 para passageiros. Tanto que o carro será utilizado como táxi em Barcelona, na Espanha.

Veja também

+ Fiat faz desconto em toda a linha; preço do Toro cai R$ 32 mil
+ Acesso de fúria de macaco deixa um homem morto e 250 pessoas feridas na Índia
+ Risco de casos graves de Covid é 45% maior em pessoas com sangue do tipo A, segundo pesquisadores europeus,
+ Aprenda a fazer o brigadeiro de paçoca de Ana Maria Braga