Uma nova Marca

A Geely International Corporation estreia em agosto e será representada pela Gandini Participações e Representações – detentora da Kia Motors do Brasil. O acordo foi assinado em julho de 2011, mas repensado depois do aumento de 30 pontos percentuais do Imposto sobre Produtos Industrializados (IPI) para carros nacionais e importados. A marca terá como presidente Ivan Fonseca que já esteve à frente da Ford Brasil, Aston Martin e Jaguar. “Embora a linha de produtos seja mais ampla, vamos trazer inicialmente os modelos produzidos em Montevidéu, no Uruguai”, destaca. Não está descartada uma fábrica no Brasil. O sedã EC7 será o primeiro a ser vendido e traz de série o ar-condicionado, a direção hidráulica e os bancos de couro, entre outros. O motor de 1,8 litro tem bloco de alumínio e 140 cv. O câmbio é manual de cinco marchas ou automático CVT (continuamente variável). Já o hatch LC de 1,0 litro (68 cv) estreia em novembro. Ambos terão 
versões mais equipadas com direção elétrica, trio elétrico, airbag e freios ABS. Os preços não estão de nidos, mas devem ser de R$ 55 mil (EC7) e de R$ 35 mil (LC). De início serão 20 concessionárias nas regiões Sul e Sudeste – os planos para 2013 são de estender a rede para o restante do Brasil. Segundo Fonseca, a previsão é de vender 360 unidades/mês do sedã e 420 unidades/mês do hatch.

Veja também

+ iPhone 12: Apple anuncia quatro modelos com preço a partir de US$ 699 nos EUA

+ Veja mudanças após decisão do STF sobre IPVA

+ T-Cross ganha nova versão PCD; veja preço e fotos

+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas

+ Homem compra Lamborghini após fraude em auxílio emergencial

+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar