Uma opção francesa


Está cada dia mais difícil para o Toyota Corolla se manter na liderança. Em um comparativo da MOTOR SHOW de novembro, ele foi superado por Cruze e Lancer. É verdade que o último se destacou mais como uma alternativa esportiva à condução insossa do Toyota, mas o Cruze mostrou que a fórmula racional do líder poderia ser aprimorada. Agora, dois novos lançamentos o desafiam: o aguardado Civic 2012 e o Peugeot 408 turbo, que chega neste mês às lojas e se destaca como uma (boa) opção aos japoneses.

O interior do Peugeot 408 é mais refinado e esportivo, com destaque para os detalhes cromados. Mas, além de bem-acabado, o francês leva vantagem também no pacote de itens de série

O interior do Corolla continua o mais insosso e os acabamentos que imitam madeira são de gosto duvidoso. Mas, em equipamentos, ele praticamente se equipara ao Civic, oferecendo os principais itens

O Civic 2012 recebeu mais itens de tecnologia, como computador de bordo com tela central, câmera de ré, novo sistema de som, GPS e botão Econ, que acerta todos os parâmetros do carro para economizar

Mas o tempo passou, o design envelheceu, essa fórmula se esgotou e o Corolla voltou à liderança (críticas ao consumo e ao acabamento colaboraram para a derrocada do Honda). Por isso, o Civic 2012 precisou se “corollizar”. O porta-malas foi ampliado, reduzindo o entre-eixos, as suspensões foram amolecidas, a direção ficou mais lenta e o acelerador responde mais sutilmente. Linhas externas e painel continuam quase iguais, mas não chocam mais.

Já as vendas do 408, lançado no meio do ano passado, ainda não decolaram. Agora, a Peugeot aposta em uma nova versão top para encarar as configurações mais caras de Civic e Corolla, vistas nesse comparativo. Em comparação com os cerca de R$ 86 mil do Civic EXS e do Corolla Altis, esse 408 Griffe THP custa R$ 81.490 – com pacote bem mais recheado, motor mais forte e carroceria maior.

Os custos após a compra, tradicionais critérios de desempate, aqui não servem muito. Como mostram as tabelas, todos têm O Civic 2012 recebeu mais itens de tecnologia, como computador de bordo com tela central, câmera de ré, novo sistema de som, GPS e botão Econ, que acerta todos os parâmetros do carro para economizar três anos de garantia, pagam praticamente o mesmo valor pelas primeiras revisões e têm quase a mesma quantidade de concessionárias. Os seguros também são parecidos.

“O peugeot 408 é o mais espaços0 dos três sedãs. O Civic 2012 teve seu entre-eixos diminuído e o Corolla nunca foi campeão nese quesito”

Para quem roda pouco, 408 e Corolla têm a vantagem de exigir revisões só uma vez por ano – a francesa tem uma adicional, com seis meses ou cinco mil quilômetros, que pode aumentar o valor mostrado na tabela. Já o dono do Honda deve visitar a concessionária a cada seis meses (novidade de 2012).

A decisão, portanto, fica limitada aos carros. Nesse caso, a opção francesa é interessante. Mais longo, mais alto e bem mais largo, o 408 ainda tem porta-malas maior – e é o único com alças pantográficas, que não esmagam a bagagem. Além disso, tem cabine com acabamento melhor e mais superfícies emborrachadas. A lista é mais generosa, com destaque para o ar bizone com saídas traseiras, os airbags de cortina, os faróis de xenônio direcionais, as rodas aro 17 e o GPS com tela escamoteável (não sensível ao toque como a do Civic).

Civic e Corolla têm porte e acabamento similares, assim como o porta-malas. As listas de equipamentos também são equilibradas, cada uma com suas vantagens. Mas vale frisar que o Toyota tem a imperdoável falta do controle de estabilidade, um importante item de segurança, enquanto o Civic se destaca pelo sistema de GPS e multimídia. Mais detalhes na tabela da página ao lado.

Ao volante, o Civic manteve a posição esportiva, com banco baixo, enquanto no Corolla e no 408 o motorista fica sentado em posição mais elevada. No Toyota, a idade do projeto está clara na disposição dos comandos e nas linhas do painel. O volante é ajustável em altura e profundidade em todos, mas o sistema de direção é eletro-hidráulico só nos japoneses, que facilitam a vida e as manobras na cidade sem comprometer a segurança na estrada, quando ambos ganham peso correto, embora falte sensibilidade. Já a direção do 408 parece sempre pesada demais.

As suspensões do Corolla continuam melhores quando se fala em conforto, mas deixam inclinar mais a carroceria nas curvas. O Civic, com sistemas multilink na traseira, mesmo mais macio nesta versão 2012, ainda é imbatível em esportividade. Enquanto isso, o 408 fica no meio do caminho, unindo conforto e esportividade – mas sente-se demais a transferência de carga nas manobras mais bruscas (é também o mais pesado).

Mas, além de levar uma bela vantagem no preço e nos equipamentos, é no conjunto mecânico que o 408 deixa os rivais comendo poeira. Nessas versões automáticas, o conjunto de motor 1.8 flex com câmbio de cinco marchas do Civic perde para o 2.0 flex com câmbio de quatro marchas do Corolla. Não tanto pelo desempenho, que é similar – já que mesmo com 13 cv a mais o Toyota é prejudicado pelo câmbio ultrapassado –, mas pelo consumo mais contido do Toyota. Abastecido com etanol, a 120 km/h constantes, ele fez 10,5 km/l, contra 9,5 km/l do Civic, durante nossa avaliação.

“Para esa nova geração, a honda investiu em tec nolog ia, itens de série e em uma dirigibilidade mais parecida com a do líder Corolla”

O Peugeot 408 é o único entre os sedãs deste comparativo com alças pantográficas no porta-malas

Para agradar ao consumidor tradicional do segmento, a Honda ampliou a capacidade de seu bagageiro

O Corolla tem boa capacidade, mas as alças do tipo pescoço de ganso esmagam as bagagens, como no Civic

TABELA DE EQUIPAMENTOS*

408 THP

COROLLA ALTIS

CIVIC EXS

Airbags frontais e laterais / cortinas

S/S

S/N

S/N

Controle de estabilidade (ESP) / ABS

S/S

N/S

S/S

Sensor de chuva / faróis automáticos

S/S

S/S

N/S

Ar-condicionado bizone / saídas traseiras

S/S

N/N

N/N

Direção com assistência à estabilidade

N

N

S

Faróis de xenônio / faróis direcionais

S/S

S/N

N/N

Piloto automático / retrovisor eletrocrômico

S/S

S/S

S/N

Sensor de estacionamento diant. e tras.

S

N

N

Camêra de ré para estacionamento

N

S

S

Banco do motorista com ajuste elétrico

S

S

N

Som com USB, iPod e aux. / bluetooth

S/S

S/N

S/S

Retrovisor com rebatimento elétrico

S

S

N

Rodas de liga leve (tamanho)

17″

16″

16″

Disqueteira / alto-falantes

N/6

S/6

N/4

Câmbio com borboletas no volante

N

S

S

Navegador GPS / tela sensível ao toque

S/N

N/N

S/S

Direção elétrica (E) ou hidráulica (H)

H

E

E

Modo de condução econômica

N

N

S

S= Item de série / N= Item não disponível / O= Item opcional * alguns opcionais são vendidos em pacotes

Honda Civic EXS

MOTOR quatro cilindros em linha, 1,8 litro, 16 V, comando variável i-VTEC TRANSMISSÃO automática sequencial, cinco marchas, borboletas no volante, tração dianteira DIMENSÕES comp.: 4,53 m – larg.: 1,76 m – alt.: 1,45 m ENTRE-EIXOS 2,670 m PORTA-MALAS 449 litros PNEUS 205/55 R16 PESO 1.286 kg • GASOLINA POTÊNCIA 139 cv a 6.500 rpm TORQUE 17,5 kgfm a 4.500 rpm VEL. MÁXIMA não disponível 0 – 100 km/h não disponível CONSUMO não disponível CONSUMO REAL não disponível • ETANOL POTÊNCIA 140 cv a 6.500 rpm TORQUE17,7 kgfm a 4.500 rpm VEL. MÁXIMA não disponível 0 – 100 km/h não disponível CONSUMO não disponível CONSUMO REAL cidade: 6,5 km/l – estrada: 9,5 km/l (durante a avaliação)

Toyota Corolla Altis

MOTOR quatro cilindros em linha, 2,0 litros, 16 V, duplo comando variável TRANSMISSÃO automática sequencial, cinco marchas, borboletas no volante, tração dianteira DIMENSÕES comp.: 4,54 m – larg.: 1,76 m – alt.: 1,48 m ENTRE-EIXOS 2,600 m PORTA-MALAS 470 litros PNEUS 205/55 R16 PESO 1.290 kg • GASOLINA POTÊNCIA 142 cv a 5.600 rpm TORQUE 19,8 kgfm a 4.000 rpm VEL. MÁXIMA não disponível 0 – 100 km/h 11s8 CONSUMO não disponível CONSUMO REAL cidade: 8,2 km/l – estrada: 12,8 km/l* • ETANOL POTÊNCIA 153 cv a 5.800 rpm TORQUE 20,7 kgfm a 4.800 rpm VEL. MÁXIMA não disponível 0 – 100 km/h 11s6 Consumo não disponível CONSUMO REAL cidade: 6,2 km/l – estrada: 10,2 km/l* / cidade: 7 km/l – estrada: 10,5 km/l (durante a avaliação) *Instituto Mauá

Peugeot 408 Griffe THP

MOTOR quatro cilindros em linha, 1,6 litro, 16 V, comando variável, turbo, injeção direta TRANSMISSÃO automática sequencial, seis marchas, tração dianteira DIMENSÕES comp.: 4,69 m – larg.: 1,82 m – alt.: 1,52 m ENTRE-EIXOS 2,710 m PORTA-MALAS 526 litros PNEUS 225/45 R17 PESO 1.527 kg • GASOLINA POTÊNCIA 165 cv a 6.000 rpm TORQUE 24,5 kgfm de 1.400 a 4.000 rpm VEL. MÁXIMA 213 km/h* 0 – 100 km/h 9s2* Consumo não disponível CONSUMO REAL cidade: 11 km/l – estrada: 15,5 km/l (durante avaliação) * Argentina

“Não importa qual seja sua escolha, ao longo dos primeiros anos a despesa será bem parecida. os três modelos apresentam preços bem semelhantes de revisão e seguro”

De qualquer forma, os dois japoneses ficam atrás do Peugeot, equipado com o ótimo 1.6 turbinado já usado no cupê RCZ e no monovolume 3008. Além de ter quase 4 kgfm de vantagem em relação ao Corolla, o torque de 24,5 kgfm aparece já a 1.400 rpm e fica estável até os 4.000 giros. Além disso, ele tem 12 cv a mais que o Toyota e é supereconômico: a 120 km/h, fez surpreendentes 15,5 km/l com gasolina. Mas o ponto alto do conjunto é, sem dúvida, a transmissão automática de seis marchas, que só fica devendo as trocas por borboletas – de série no Civic e no Corolla. Seu pecado é não ser flex.

REVISÕES OBRIGATÓRIAS DOS PRIMEIROS 30.000 KM*

CIVIC EXS

COROLLA ALTIS

408 THP

PRIMEIRA REVISÃO

10.000 km ou

seis meses: R$ 148

10.000 km ou

um ano: R$ 183

5.000 km ou seis

meses: n/d

SEGUNDA REVISÃO

20.000 km ou

um ano: R$ 270

20.000 km ou

dois anos: R$ 450

10.000 km ou

um ano: n/d

TERCEIRA REVISÃO

30.000 km ou

18 meses: R$ 305

30.000 km ou

três anos: R$ 285

20.000 km ou

dois anos: n/d

QUARTA REVISÃO

30.000 km ou

três anos: n/d

TOTAL

R$ 723

R$ 918

R$ 730***

CUSTO POR 100 KM

R$ 2,41

R$ 3,06

R$ 2,43

SEGURO**

Melhor perfil:

R$ 3.767

Pior perfil:

R$ 9.644

Franquia:

R$ 3.169

Melhor perfil:

R$ 2.662

Pior perfil:

R$ 8.082

Franquia:

R$ 3.819

Melhor perfil:

R$ 3.694

Pior perfil:

R$ 9.898

Franquia:

R$ 3.938

GARANTIA

Três anos

sem limite

Três anos

sem limite

Três anos

sem limite

PÓS-VENDA

Socorro 24 horas,

hotel, transporte

e aluguel de veículo

Socorro 24 horas,

reboque, carro

reserva, transporte,

troca de pneus,

hospedagem

(só no primeiro ano)

Socorro 24 horas, reboque, transporte, hospedagem, despachante (caso de perda ou roubo de documentos)

CONCESIONÁRIAS

191

134

165

Os preços podem variar dependendo da concessionária (o valor mostrado é a média das consultadas) Seguros cotados pela D&G Corretora (11) 3985-3118 junto à Porto Seguro ** Peugeot Griffe 2.0 flex e Honda Civic EXS 2011 (os novos não estavam disponíveis) *** valor estimado pela Peugeot

Agradecimentos: ao Outlet Premium São Paulo – Rodovia dos Bandeirantes km 72 (acesso pelo Hopi Hari)

Para driblar essa questão, a marca manteve em seu portfólio, pelo mesmo preço, o 408 Griffe 2.0. Ele tem motor bicombustível de 151 cv, mas a transmissão tem apenas quatro marchas. Se estiver em dúvida sobre qual escolher, aposte nesse turbinado, mais eficiente e com o mesmo nível de equipamentos.

PREÇO DAS PEÇAS*

CIVIC EXS

COROLLA ALTIS

408 THP

Pneu (cada)

R$ 277

R$ 395

R$ 418

Roda de liga-leve

R$ 597

R$ 525

R$ 550

Farol (esq.)

R$ 883

R$ 2.606

R$ 2.679

Lanterna (esq.)

R$ 403

R$ 407

R$ 173

Retrovisor (esq.)

R$ 417

R$ 1.228

R$ 270

Sonda lambda

R$ 867

R$ 439

R$ 213

Bico injetor (cada)

R$ 540

R$ 535

R$ 118

Pastilha de freio (jg. diant.)

R$ 198

R$ 179

R$ 282

Palheta do limpador (par)

R$ 201

R$ 238

R$ 92

Para-choque (traseiro)

R$ 583

R$ 677

R$ 959

Amortecedores (4)

R$ 1.153

R$ 1.118

R$ 910

TOTAL

R$ 6.119

R$ 8.347

R$ 6.667

*Os preços podem apresentar variações, dependendo da concessionária.

Para quem gosta de esportividade, o Civic – mesmo “corollizado” – ainda é a melhor opção. Mas, se você valoriza o espaço interno e quer pagar menos por um carro mais equipado, fique com o Peugeot. Já para quem faz questão de motor flex, o Civic ficou, sim, mais atraente diante do Corolla.

Veja também

+ Truque para espremer limões vira mania nas redes sociais
+ Mulher finge ser agente do FBI para conseguir comida grátis e vai presa
+ MasterChef: Fogaça compara prato com comida de cachorro
+ Zona Azul digital em SP muda dia 16; veja como fica
+ Veja os carros mais vendidos em outubro
+ Baleia jubarte quase engole duas mulheres em caiaque; veja o vídeo
+ Conheça o phloeodes diabolicus "o besouro indestrutível"
+ Estudo revela o método mais saudável para cozinhar arroz
+ Arrotar muito pode ser algum problema de saúde?
+ Tubarão é capturado no MA com restos de jovens desaparecidos no estômago
+ Cinema, sexo e a cidade
+ Descoberta oficina de cobre de 6.500 anos no deserto em Israel

COMPARTILHAR
Notícia anteriorMercado
Próxima notíciaContato