Veja 5 carros usados completos por até R$ 45 mil

Confira alguns modelos bem equipados que podem ser comprados pelo mesmo preço de um Fiat Mobi ou Renault Kwid de entrada

0
3111
Volkswagen Fox Highline 2016
Volkswagen Fox Highline

A pandemia mexeu com os preços de carros novos e usados no mercado brasileiro, em um movimento que afetou inclusive os modelos fora de linha. Hoje, o carro 0 km mais acessível do Brasil é o Fiat Mobi Easy, que tem valor de tabela de R$ 44.371 (preço São Paulo).

+ Confira 5 opções de SUVs usados “raiz” por até R$ 80 mil
+ Veja 5 SUVs usados que ainda têm visual de 0km
+ Veja 5 carros econômicos usados por cerca de R$ 20 mil
+ Confira 5 carros de 7 lugares completos por até R$ 40 mil


Mas trata-se de um modelo bem espartano, cuja lista de equipamentos de série deixa de fora itens como vidros elétricos, direção assistida ou ar-condicionado. Mesma pegada do Renault Kwid Life (R$ 44.390), que repete a lista de ausências do concorrente.

Para os que buscam um carro equipado na mesma faixa de preços de um 0 km basicão, é necessário recorrer ao mercado de automóveis usados. Confira abaixo uma lista de modelos que trazem na lista de equipamentos o seu principal destaque. Consideramos carros do ano/modelo até 2013. Os preços são da tabela de revendedor da KBB Brasil.

Peugeot 408 Griffe 1.6 THP 2014 – R$ 39.700

Os sedãs médios usados são opções interessantes para quem busca carros bem equipados e com preços de compactos novos. Para os que buscam visual imponente (por dentro e por fora), uma opção interessante é o argentino Peugeot 408 Griffe 1.6 THP.

Por menos do que um Renault Kwid novo, é possível levar para casa um sedã que ainda agrada pelo visual externo, traz um interior espaçoso e bem acabado, uma lista de equipamentos interessante (com airbags laterais e de cortina e ar-condicionado automático digital de duas zonas), além de um motor 1.6 turbo de 165 cv e câmbio automático de seis marchas.

Ford EcoSport FreeStyle 1.6 2013 – R$ 42.500

A Ford já teve momentos melhores no mercado brasileiro. Mas não podemos ignorar os sucessos do passado e nem deixar de reconhecer que o EcoSport já foi um dos modelos de maior sucesso no segmento de SUVs.

Uma das versões com melhor custo-benefício da linha sempre foi a FreeStyle, que no lançamento da 2ª geração trazia o motor 1.6 16V de até 115 cv, combinado a uma lista de equipamentos com itens como controles eletrônicos de tração e estabilidade, assistente de partida em rampas, rodas de liga leve de 16″ e a opção de itens como bancos de couro e airbags laterais.

Volkswagen Fox Highline 2016 – R$ 44.000

O Volkswagen Fox Highline é fruto de uma época em que o Polo atual ainda não havia sido lançado no Brasil e o hatch altinho era o compacto mais sofisticado da linha da marca alemã. Por esse motivo, o Fox Highline trazia o motor 1.6 16V de 120 cv (o mesmo do Polo 1.6 atual), combinado a um câmbio manual de seis marchas (havia também a opção do automatizado I-Motion de cinco marchas).

A lista de equipamentos não faz feio mesmo para os padrões atuais. Com todos os opcionais, traz controles eletrônicos de tração e estabilidade, faróis de neblina com luzes de conversão, sistema multimídia, controlador automático de velocidade de cruzeiro, sensores de estacionamento na dianteira e na traseira e direção com assistência elétrica.

Fiat 500 Cult 1.4 2015 – R$ 44.990

Está em busca de um Fiat barato e ideal para uso urbano? Pois saiba que pelo mesmo preço de um Mobi pelado é possível levar para casa um estiloso Fiat 500 Cult 1.4, que ainda chama a atenção pelo seu visual externo e interno de carro urbano premium.

Importado do México, o 500 traz um motor 1.4 Fire de até 88 cv, combinado a um câmbio manual de cinco marchas. Já a lista de equipamentos inclui itens de segurança como controles eletrônicos de tração e estabilidade, ar-condicionado, sistema de som de fábrica, além da opção de itens como controle automático de velocidade de cruzeiro e teto solar.

Chevrolet Cobalt Graphite 2015 – R$ 45.000

O Chevrolet Cobalt ocupava há pouco tempo o espaço que hoje é do Onix Plus, sendo posicionado como um sedã compacto quase com o porte de modelo médio. Para dar mais sofisticação ao modelo, a marca americana criou a série especial Graphite, que foi vendida apenas em 2015.

O visual externo era controverso e o motor era o conhecido 1.8 de 108 cv combinado ao câmbio automático de seis marchas. Mas a lista de equipamentos incluía rodas de 15″ com acabamento diamantado, central multimídia MyLink, bancos e volante de couro, tapete de carpete e soleiras de alumínio.

Mais na Motor Show

+ Bateria descarregada: saiba o que fazer para sair do sufoco
+ Fiat oferece Argo 0 km com pronta entrega e desconto de até R$ 5 mil
+ Citroën faz promoção com bônus e revisão grátis para a compra do C4 Cactus
+ Chinesa BYD cria carro elétrico com câmbio manual e embreagem
+ Emplacamentos: parcial de maio tem cinco SUVs no top 10; confira a lista
+ Multas na pandemia: saiba o que fazer e como recorrer das infrações