Venda de importados recua 46% em novembro, aponta Abeifa

Fabricante do Defender foi um dos poucos a crescer no País em novembro (Foto: Land Rover)

As montadoras e importadoras associadas a Abeifa (Associação Brasileira das Empresas Importadoras e Fabricantes de Veículos Automotores) fecharam o mês de novembro com 3.976 unidades comercializadas. Queda de 46% nas vendas em relação ao mesmo período do ano passado.

Ainda na comparação com o mesmo mês de 2014, apenas três marcas registraram crescimento nas vendas: Volvo (44,1%); Land Rover (16%); Jaguar (109,1%) e Geely (255,6%).

De acordo com a Abeifa, além da alta do dólar, o resultado negativo é reflexo “da baixa confiança do consumidor, que diante da incerteza dos cenários político e econômico, tem postergado as suas compras e ponderado investimentos”.

A associação reúne atualmente 27 empresas, três das quais (BMW, Chery e Suzuki) já contam com fábricas no Brasil.

Veja também

+ A biblioteca básica do motociclista cool

+ Tomografia revela que múmias egípcias não são humanas

+ Homem compra Lamborghini após fraude em auxílio emergencial

+ Restaurar um carro: quanto custa e quanto ele pode valorizar