Volkswagen dobra venda de veículos elétricos; ID.4 é destaque

Foram 263 mil unidades entregues, alta de 97%

0
1
ID.4 foi destaque de vendas entre os elétricos da Volkswagen - Foto: Divulgação

A Volkswagen dobrou a comercialização de veículos totalmente elétricos no mundo em 2021. Foram 263 mil unidades entregues, alta de 97%.

Ao todo, a companhia vendeu mais de 369 mil carros eletrificados (+73% que em 2020), isso somado aos 106 mil VEHPs – Veículos Híbridos Elétricos Plug-in (+33%).


A proporção de veículos movidos integralmente a bateria (VEBs) e veículos híbridos atingiu 7,5% do total das entregas (em 2020 foi de 4%).

Na Europa, esses veículos respondem agora por 19,3% das entregas da Volkswagen (em 2020 eram 12,6%). Somente na Alemanha, um em cada quatro veículos de Volkswagen entregues foi um plug-in.

+ Volkswagen Gol vai virar SUV em 2023; veja a projeção
+ Volkswagen lidera as vendas de SUVs compactos no Brasil e Argentina
+ Conheça os detalhes do Volkswagen Fox com seis rodas e três eixos
+ Volkswagen revela mais imagens da nova Amarok

China

Um total de 77.100 VEBs (um aumento de 437%) foram entregues na China pela Volkswagen, incluindo mais de 70 mil carros da família ID.

ID.4 é destaque

O modelo elétrico a bateria da Volkswagen em destaque é o ID.4 (veja a avaliação completa), que foi o carro mais vendido entre os 263 mil VEBs, com 119.650 unidades entregues, seguido pelo ID.3 (aproximadamente 76 mil), o e-up! (aproximadamente 41.500) e pouco menos de 18 mil unidades do ID.6 – modelo que a Volkswagen oferece exclusivamente no mercado chinês.

Na Europa, o ID.4 liderou os rankings de vendas de VEBs na Suécia, Dinamarca, Finlândia e Irlanda. O SUV totalmente elétrico ID.4 vendeu quase 17 mil unidades nos Estados Unidos.

Foto: Divulgação

Mercado global

A Volkswagen entregou em todo o mundo cerca de 4,897 milhões de veículos com todos os sistemas de propulsão. Isso significou uma queda de aproximadamente 8,1% em relação ao ano anterior.

De acordo com a companhia, a deficiência no suprimento de semicondutores provocou limitações na produção durante o ano.

“A Volkswagen obteve vendas satisfatórias, sob condições extremamente desafiadoras. Porém, os massivos efeitos sobre a produção causados pela situação dos semicondutores não puderam ser compensados integralmente ao longo do ano. Mesmo assim, nossa lista de espera recorde de 543 mil veículos apenas na Europa – 95 mil deles IDs – mostra claramente que a procura por veículos da Volkswagen continua muito alta”, disse Klaus Zellmer, membro do conselho responsável por vendas e marketing na Volkswagen, em nota divulgada.

A Volkswagen espera que pelo menos o primeiro semestre de 2022 deverá continuar “altamente volátil e desafiador devido à persistência das limitações no fornecimento de semicondutores”.

Mercado de SUVs

Os SUVs representam atualmente mais de 40% de todas as entregas de veículos (no ano anterior eram 34,8%) da Volkswagen. Nos Estados Unidos, a Volkswagen gerou três quartos de seu faturamento em vendas com SUVs, atingindo seu maior número de vendas de veículos no país desde 2013.

Veja abaixo as vendas gerais da marca Volkswagen em 2021 por mercado:

Foto: Divulgação

MAIS NA MOTOR SHOW:

+ Rodízio de SP segue suspenso em janeiro; veja quando volta
+ IPVA SP 2022: pagamento à vista começa a vencer nesta segunda (10)
+ IPVA 2022 SP: veja como consultar e pagar o imposto
+ Qual é a melhor versão do Jeep Compass 2022?
+ IPVA 2022: confira as tabelas do imposto de todos os Estados
+ CNH vencida: veja o grupo que precisa renovar o documento em janeiro
+ Quem está isento de pagar o IPVA 2022 em SP? Veja a lista
+ Veja quais foram os carros mais roubados em SP em 2021
+ Motoristas americanos deixam porta-malas abertos; entenda
+ IPVA 2022: Minas Gerais congela valor do imposto
+ Cadillac de Elvis Presley está sendo leiloado; confira