Volkswagen não lidera vendas no ano: dados estão errados

Um erro nos dados repassados à Fenabrave colocou a Volkswagen no topo do ranking das marcas mais vendidas no Brasil este ano. Desta forma, a marca, que foi de fato líder de vendas em agosto, continua na vice-liderança quando consideramos todas as vendas do ano

0
138
VW Express
Divulgação

Na acirrada disputa pela liderança do mercado brasileiro, uma notícia circula há alguns dias: a Volkswagen teria superado a Chevrolet em vendas no resultado “acumulado” do ano — de janeiro a setembro — e seria líder de vendas em 2020.

Mas os dados estão errados, e devem ser corrigidos em breve. Assim, a Chevrolet segue na liderança no resultado deste ano… ao menos por enquanto. Isso não quer dizer que a situação da Chevrolet esteja fácil em nosso mercado.


Isso porque Volkswagen e Fiat vêm lançando novos produtos e estão em tendência de alta: as duas superaram a Chevrolet nos resultado de vendas mensais em agosto e setembro — sendo que o VW T-Cross foi o carro mais vendido em julho, o Chevrolet Onix em agosto e a Fiat Strada (abaixo) chegou à liderança do mercado por modelo em setembro.

Aqui estão os números, considerando automóveis e comerciais leves: em agosto, a Volks teve 19,66% de participação, contra 18,07% da Fiat e 16,59% da Chevrolet; em setembro, a Fiat teve 19,66% das vendas, contra 17,09% da Volks e 15,99% da Chevrolet. Os números da Volks neste último mês estão errados, mas, mesmo quando corrigidos, mantém a marca na vice-liderança dos emplacamentos no resultado parcial deste ano.

O ERRO

O que houve foi que a Fenabrave somou, indevidamente, as vendas do pequeno caminhão (VUC) VW Express (imagens abaixo) nas vendas da Volkswagen do Brasil. Mas o modelo, embora seja considerado um comercial leve, não entra como Volkswagen do Brasil, mas como Volkswagen Ônibus e Caminhões.

Atualização em 7/10/2020: A Fenabrave esclareceu à reportagem que o erro não foi dela, que soma os dados que são repassados a ela pelo Denatran. O que houve, na verdade, foi um erro no registro do fabricante do modelo Express, que é de fato um comercial leve, junto ao Denatran. O produto é da Volkswagen Caminhões e Ônibus (“Volkswagen-MAN”), e foi registrado como Volkswagen do Brasil. A correção do registro já foi solicitada, segundo a Fenabrave.

 

Como foram emplacadas 2.384 unidades do VW Express, o número total de vendas em 2020 da Volkswagen do Brasil cai de 223.786 unidades para 221.402. Enquanto isso, a Chevrolet emplacou 223.057 unidades no ano de 2020, entre primeiro de janeiro e 30 de setembro. Ou seja, a Volks se mantém em segundo lugar.

Que diferença isso faz? O título de marca mais vendida é altamente valorizado pelas marcas, que colam adesivos em seus carros, divulgam informativos à imprensa e valorizam em suas propagandas a tão buscada colocação. Vale seguir acompanhando essa disputa.

[matéria atualizada em 7/10/2020 com posicionamento da Fenabrave]