VW T-Cross foi SUV compacto que mais valorizou em 2021

Pesquisa levou em consideração somente unidades seminovas, modelo 2021 e os cinco SUV´s mais valorizados eram versões PCD.

0
20
t-cross
Foto: Divulgação

A Mobiauto, start-up do segmento automotivo e um dos marketplaces de carros usados do país, fez um levantamento que pode redirecionar as opções de compras de muitos brasileiros: quais os SUVs compactos que mais valorizaram em 2021? A pesquisa leva em conta as cotações em janeiro e extrai o índice de alta ao compará-las a dezembro de 2021.

Os SUVs compactos ganharam, em média, 21,69% em seus preços. O Volkswagen T-Cross foi o grande campeão. Suas cotações subiram 28,41%, com Chevrolet Tracker e Honda WR-V em empate técnico na segunda e terceira posições (24,73% e 24,43%, respectivamente). O modelo menos valorizado dentre os treze pesquisados pela Mobiauto foi o Peugeot 2008: 12,78%. Até o “descontinuado” Ford EcoSport superou o exemplar da marca francesa, com 14,08% de alta.

+ Usados: Gol segue líder e Corsa retorna ao ‘ranking’ de mais vendidos
+ Confira o preço do seguro dos carros usados mais vendidos
+ Onix foi o hatch zero km mais procurado em 2021; Renault Kwid foi o mais buscado nos seminovos
+ Ram cria programa de seminovos com certificado de procedência e garantia


SUVs em alta

“É um segmento efervescente, no qual sempre há novas peças no tabuleiro, como o Fiat Pulse, que deve mexer sensivelmente nesse ranking daqui pra frente. Mas vale a observação para posicionar a relevância dos SUVs no mercado nacional: mesmo o pior da lista, o 2008, com quase 13% de alta, teve valorização bem acima da inflação, que foi de 10,06%”, destaca o consultor Sant Clair Castro Jr, CEO da Mobiauto.

Ele explica que esse fenômeno é absolutamente vital para apaziguar o dilema vivido por qualquer comprador de SUV no país. E explica. “É um dado libertador. Se o modelo menos valorizado da lista já se coloca acima da inflação, isso significa que o consumidor pode escolher qualquer utilitário-esportivo de sua preferência sem se preocupar em perder dinheiro! Claro que, em alguns modelos, ganha-se mais. Mas ninguém perde”. Veja abaixo a tabela com as cotações médias das mais variadas versões de cada modelo e os respectivos índices de valorização.

Foto: Divulgação

Chama a atenção, também, na análise de versões de cada SUV, a predominância dos básicos, ou seja, PCD. E vale a explicação. O limite anterior, de R$ 70 mil, havia sido estabelecido em 2009 e estava, em 2021, naturalmente defasado. No segundo semestre, poucas versões de SUV´s ainda se encaixavam abaixo desse patamar. O que as montadoras fizeram? Percebendo que o limite estava prestes a ser alargado – e foi, em dezembro, para R$ 140 mil –, elas iniciaram uma escalada robusta de reajustes no último trimestre do ano nessas versões básicas. Quando o novo limite chegou, todos os SUVs estavam com novos preços, mas dentro da faixa de permissão de compra.

Metodologia

Em menos de três anos de operação, a Mobiauto já se posiciona como um dos maiores marketplaces do mercado de automóveis do Brasil, tendo alcançado mais de 5 milhões de acessos mensais.

MAIS NA MOTOR SHOW: