VW T-Cross, nacional em 2018, aparece como conceito Salão de SP

Não foi desta vez que o conceito T-Cross Breeze ganhou uma versão de produção. Volkswagen trouxe para o Salão de SP o conceito T-Cross Breeze, que dará origem a crossover fabricado no Brasil, conforme adiantado em fevereiro pela MOTOR SHOW.

E é ela que ilustramos na primeira imagem da galeria. Não chamará T-Cross, mas seu nome deve começar com “T”. A produção nacional começa em 2018, junto com a do novo Gol, que compartilha com ele a plataforma MQB (na versão A0, de entre-eixos menor). O comprimento deve beirar os 4,15 m, os motores devem ser os turbinados do Golf (1.0 TSI de 125 cv e 1.4 TSI de 150 cv) e o câmbio, manual ou automático, de seis marchas.

A novidade deve matar de vez o CrossFox e brigar na faixa de preços entre R$ 70.000 e R$ 90.000, tanto com Peugeot 2008, Nissan Kicks e Honda WR-V quanto com Ford EcoSport, Renault Duster e – por que não? – as versões básicas de Honda HR-V, Jeep Renegade e cia. Assim, ele ainda deixaria espaço na linha da marca (até os R$ 125.000 do Tiguan 1.4) para a versão final do T-Roc, outro crossover – maior, com base e mecânica do Golf –, mostrado aqui no Salão de São Paulo em 2014, e  que também pode ser feito no Brasil futuramente (leia mais na edição 377 ou bit.ly/2e0SDaR).